Fã inventou canções "inéditas" dos Beatles

Durante quase trinta anos, os fãs dos Beatles se perguntaram pelo padeiro de quatro canções perdidas da mítica banda inglesa: Colliding Circles, Left Is Right, escritas por John Lennon, Pink Litmus Paper Shirt, de George Harrison e Deck Chair, de Paul McCartney. No entanto, elas não existem. Foi o que revelou em entrevista, hoje, ao USA Today, o pesquisador, promotor da Beatlefest e consultor dos projetos The Beatles Anthology e Live at BBC, Martin Lewis. As canções foram inventadas por ele, que idealizou os títulos quando era adolescente e os incluiu no meio de uma lista de supostas canções inéditas da banda.Esta não é a primeira vez que Lewis informa os fãs da fraude. Há dois anos, em Los Angeles, num show similar ao que realizará amanhã, em Nova York, ele fez tal afirmação, mas foi ignorado pelos fãs, que continuam a procurar pelas faixas fantasmas. "Para minha surpresa e horror, muitos fãs dos Beatles se recusaram a acreditar em mim", disse ao jornal norte-americano. "As pessoas me diziam: sua confissão é uma mentira, eu conheço um cara que tem essas canções."A lenda, descreve a matéria, surgiu em 1971, quando Lewis, a pedido da British Magazine disc, levantou a discografia completa dos Beatles. Por mais que a Apple Records tenha, de cara, informado que as canções não existiam, os fãs passaram a acreditar na história.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.