Ex-vocalistas do Van Halen vão fazer turnê juntos e sem a banda

Há tempos o mundo pop não via umamovimentação tão novelesca. Os dois ex-vocalistas do Van Halen,David Lee Roth e Sammy Hagar, anunciaram terça-feira, nos EstadosUnidos, que vão fazer uma turnê juntos. Os doisex-arquiinimigos do rock estão deixando as diferenças de ladopara percorrer várias cidades do país sem a banda com quemficaram famosos. É mais um episódio bizarro na história do grupoque já foi um das mais importantes do rock. Assim como as histórias de separações e reformas do VanHalen ao longo de quase três décadas, o anúncio da reunião dosdois cantores causou espanto. Roth e Hagar convocaram umacoletiva de imprensa para anunciar a Song for Song, TheHeavyweight Champs Of Rock´N´Roll (algo como "música pormúsica, os campeões peso-pesado do rock"), que começa em 29 demaio em Ohio. Para se entender a dimensão da notícia é precisorecapitular a história da banda. Formado em 1974 pelos imigrantes holandeses Eddie e AlexVan Halen, a banda lançou o primeiro disco, Van Halen,quatro anos depois, com sua primeira formação, que incluía obaixista Michael Anthony e Roth nos vocais. Seguiram-se osrazoavelmente bem-sucedidos Van Halen II, de 1979, Womenand Children First, de 1980, Fair Warning, de 1981, eDiver Down, de 1982. O sucesso mesmo veio com 1984M, lançado no mesmo ano,que rendeu os hits Jump, I´ll Wait e Panama. O VanHalen se consagrava como uma das mais populares bandas do mundo,com Roth assumindo o papel de sex symbol e a técnica deguitarras de Eddie ganhando elogios calorosos. O músico tambémgarantiu seu lugar na história ao compor o riff e os solos deBeat It, para Michael Jackson. No ano seguinte,. Roth resolveu lançar um EP-solo,emplacando os hits California Girls e Just a Gigolo/IAin´t Got Nobody. Os irmãos Van Halen não gostaram muito dosucesso particular do cantor e, quando ele sugeriu atrasar oinício das gravações de um novo disco da banda, foi demitido.Confiante, Roth parecia não ter dúvidas sobre sua capacidade defazer sucesso sem o grupo. Embora tenha conseguido capitalizarem cima da fama prévia, passou os anos 90 sem nenhum sucessocomercial, virando espécie de piada do rock americano. A fase de Sammy Hagar _ ironicamente a mais bem-sucedidado Van Halen _ começou em 1986. Na época, Roth não poupavaataques ao substituto. "Sem-talento", "encarnação damediocridade" e "minha cadelinha" foram alguns dos apelidosque ele deu ao "concorrente". Hagar havia trabalhado com a banda Montrose, no iníciodos anos 70, e já tinha lançado sete discos-solo antes desubstituir Roth. Embora não fosse conhecido em todos os EstadosUnidos, tinha um público respeitável no meio-oeste e carismasuficiente para emplacar sucessos com o banda como Why Can´t This BeLoved, Feels So Good e Right Now. Tudo parecia ir bem até que em 1996 Hagar teve umadiscussão com Eddie e acabou deixando a banda. Poucas semanasdepois, Roth anunciou que estava voltando ao velho emprego echegou a aparecer junto com os ex-companheiros na cerimônia doVideo Music Awards, da MTV, em Nova York. Um novodesentendimento fez com que a volta de Roth durasse pouco. Abanda acabou recrutando o ex-vocalista do Extreme, Gary Cherone,o maior pé-frio do Van Halen até hoje: sua temporada durouapenas um disco. Durante a entrevista coletiva para o anúncio da novareunião, os dois cantores confessaram que não são "grandesamigos", mas que acharam a idéia da reunião "excitante".Claro, para dois astros para lá de decadentes, vale tentar fazerum pé-de-meia em tempos de revivals. Hagar até tem alguns showsmarcados para os próximos meses, mas Roth nem isso tem. A turnêvai ser uma espécie de duelo, com o público decidindo qual o"melhor" dos dois. Enquanto isso, o Van Halen, que chegou a vender 70milhões de discos, está na geladeira. Enquanto Eddie passa pelotratamento para tratar um câncer no pescoço, a banda está àprocura de uma gravadora. Também ainda não apareceu um vocalistadisposto a se tornar o quarto cantor da problemática banda. O dueto dos peso-pesado começa em 29 de maio, em Ohio, esegue até o Estado de Washington, em 29 de junho. Informaçõessobre a turnê estão nos sites oficiais de Roth(http://davidleeroth.com) e Hagar (http://www.redrocker.com).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.