Ex-stones Wyman critica Jagger em entrevista a jornal

Bill Wyman, membro dos Rolling Stones até 1993, acusou o líder do grupo, Mick Jagger, e seus ex-companheiros de terem se "vendido" e traído seus ideais.Em entrevista ao jornal britânico Daily Mail, Wyman diz que "estão aí só pelo dinheiro. Vendem camisetas em que meu rosto também aparece por US$ 200 nos Estados Unidos"."Eles estão fazendo coisas que dissemos que nunca faríamos, como vestir um fraque para receber um prêmio e cobrar US$ 200 por uma entrada", afirmou Wyman.O ex-baixista dos Rolling Stones, que vai completar 70 anos, afirma que não escuta a música do grupo há anos."Não encontro nada novo nem excitante, embora isto possa ser dito de muitas bandas", explica Wyman, que acredita que seus ex-companheiros precisam de "adulação, sentir-se adorados, queridos pelo público".Wyman, casado há treze anos com uma estilista de 47 anos com quem tem três filhas, diz não se arrepender de ter deixado o grupo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.