AP
AP

Ex-produtor dos Beatles pode pegar prisão perpétua nos EUA

Phil Spector foi condenado a pena mínima de 19 anos de reclusão pelo assassinato da atriz Lana Clarkson

Agência Estado e Associated Press,

29 de maio de 2009 | 18h02

O produtor musical Phil Spector, que produziu discos dos Beatles e de Tina Turner, foi condenado nesta sexta-feira a uma pena entre 19 anos de reclusão e prisão perpétua, pelo assassinato da atriz Lana Clarkson, que levou um tiro na boca na casa do produtor há seis anos.

 

Spector, de 69 anos, não aparentou nenhuma emoção quando o juiz Larry Paul Fidler leu a sentença que estabelece como pena mínima 19 anos de reclusão e a máxima prisão perpétua. O juiz também ordenou a Spector que pague US$ 16.811 pelas despesas do funeral da vítima.

 

A mãe de Clarkson, Donna, fez um breve comunicado após a leitura da sentença, falando das qualidades da sua filha. "Ninguém deveria sofrer a perda de um filho", ela disse. Clarkson ficou famosa como a atriz principal do filme Barbarian Queen, de 1985. Ela tinha 40 anos quando morreu.

Tudo o que sabemos sobre:
Phil SpectorBeatles

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.