Ex de McCartney contrata advogado da Princesa Diana

A ex-mulher de Paul McCartney, Heather Mills, contratou o advogado que defendeu a Princesa Diana para representá-la na batalha de divórcio contra o ex-Beatle, segundo informa nesta quarta-feira o jornal "Evening Standard".O advogado Anthony Julius, do escritório Mishcon de Reya, representou a Princesa Diana em seu processo de divórcio do príncipe Charles, em 1996.Julius enfrentará nos tribunais a advogada Fiona Shackleton, da empresa Payne Hicks Beach, representante legal de Paul McCartney e que também defendeu o herdeiro ao trono britânico há 10 anos.O advogado de Heather é especializado em legislação nos meios de comunicação e, depois da princesa, este será seu segundo caso de divórcio. Julius deverá tentar um acordo econômico em torno de 800 milhões de libras, disse o jornal britânico.No último dia 29 de julho começou uma guerra entre o casal, que anteriormente havia expressado interesse em uma separação amistosa. A confusão começou quando o Ex-beatle disse que o divórcio aconteceria em função do "comportamento pouco razoável" de sua esposa. Heather respondeu dizendo que explicaria sua versão dos fatos nos tribunais e, por isso, contratou o prestigiado advogado.A notícia desta contratação é divulgada um dia depois que a imprensa britânica publicou que a ex-modelo foi "humilhada" ao não poder entrar na mansão de McCartney em Londres para deixar com o ex-Beatle a filha do ex-casal, Beatrice, de 2 anos. Um porta-voz do cantor assegurou que o incidente - que acabou com a intervenção da polícia - foi um "mal entendido". Paul McCartney e Heather Mills anunciaram sua separação no último 17 de maio, após quatro anos de casamento. Os dois se conheceram durante um ato beneficente em 1999, um ano depois da morte da primeira esposa do músico, Linda, vítima de câncer, com quem ele foi casado durante 29 anos.

Agencia Estado,

09 de agosto de 2006 | 12h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.