EUA negam visto para Amy Winehouse participar de festival

Segundo porta-voz, seu visto de entrada foi negado devido a questões legais envolvendo a cantora britânica

Agências internacionais

09 de março de 2009 | 10h37

A cantora britânica Amy Winehouse cancelou nesta segunda-feira, 9, sua participação no Festival de Coachella, em Indio, na Califórnia, marcado para o mês de abril. Segundo seu porta-voz, seu visto de entrada nos Estados Unidos foi negado devido a questões legais envolvendo a artista. Na semana passada, Amy foi indiciada por agressão. Ela é acusada de ter atacado um fã em uma festa em Londres em setembro do ano passado. Ela deve comparecer a uma audiência sobre o caso na semana que vem. Ainda de acordo com o porta-voz, a negação do visto entristeceu Amy, uma vez que o festival era a data mais importante da turnê que ela pretendia fazer pelos Estados Unidos. No ano passado, ela teve o visto negado para participar do Grammy. A decisão foi revertida, mas não a tempo de ela viajar e participar da cerimônia. O festival de Coachella é um dos mais importantes dos EUA e reúne a cada ano mais de 75 mil pessoas. Neste ano, estão garantidas as presenças de Morrisey, Paul McCartney e a banda The Killers.

Tudo o que sabemos sobre:
Amy WinehouseFestival de Coachella

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.