Escolas de samba do Rio já têm enredo definido

Desobrigadas de contar a história do Brasil, as escolas de samba do Grupo Especial não deixarão o tema totalmente de lado em 2001.Algumas, como a Portela, falarão sobre os poderosos do mundo (de Bill Clinton a Sadam Houssein), e outras, como a Viradouro, voltarão aos enredos abstratos, como as sete forças que movem o homem e os sete pecados capitais. Mas não faltarão príncipes e princesas africanos, e brasileiros ilustres tendo sua história contada na Marquês de Sapucaí.A Paraíso do Tuiuti, por exemplo, estréia entre as grandes abrindo o carnaval no domingo e contando a história do Capitão Mouro, um comerciante árabe que negociava com os quilombos no século 17. A história é verídica e será filmada por Pedro Bial. Joãosinho Trinta faz seu primeiro carnaval na Grande Rio, homenageando Gentileza, um mendigo carioca que escrevia poemas nos viadutos da cidade. A Unidos da Tijuca tentará repetir seu sucesso do ano passado (ficou em quinto lugar, à frente da Portela, da Mangueira e do Salgueiro) contando a vida de Nelson Rodrigues. E a Tradição contará a saga de Sílvio Santos.Na Imperatriz Leopoldinense, Rosa Magalhães tentará o tricampeonato com seus enredos que misturam história e filosofia. Ela vai falar sobre a cana-de-açúcar e terminará com uma homenagem ao sambista Carlos Cachaça, fundador da Mangueira. Já a Viradouro será pura abstração, falando sobre os sete pecados capitais e as forças que movem o Homem. A Mocidade Independente de Renato Lage falará da alegria de viver. O enredo da União da Ilha envolverá física e história, pois aborda a energia elétrica.A dança dos carnavalescos, que começou com a ida de Joãosinho Trinta da Viradouro para a Grande Rio, logo após o último carnaval, já terminou e as vencedoras não mexeram em seus times. Rosa Magalhães vai tentar o tricampeonato na Imperatriz Leopondinense; a Mocidade Independente faz seu 12º desfile com Renato Lage; a Unidos da Tijuca manteve Chico Spinosa, que colocou a agremiação do morro do Borel, na zona norte, entre as cinco primeiras colocadas, e a Paraíso do Tuiuti fica com Paulo Menezes pelo terceiro ano consecutivo. Ele também estréia no Grupo Especial.A ordem do desfile das escolas será: Domingo, 25 de fevereiro: Paraíso do Tuiuti, Tradição, Unidos da Tijuca, Salgueiro, Mocidade Independente de Padre Miguel, Portela, Beija-flor de NilópolisSegunda-feira, 26 de fevereiro: Império Serrano, Caprichosos de Pilares, Viradouro, Imperatriz Leopoldinense, Mangueira, União da Ilha, Grande Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.