Ensaios de Paul McCartney enfurecem vizinhos

Ele pode até ser um dos músicos mais populares do mundo, mas Paul McCartney não conseguiu impressionar alguns moradores da região leste de Londres quando começou a ensaiar por lá. Os ensaios do ex-Beatle na Millennium Dome causaram reclamações das pessoas que moram no outro lado do Rio Tâmisa. Autoridades locais prometeram monitorar os níveis de barulho vindos de onde McCartney, de 61 anos, se prepara para a próxima turnê."Achei que alguém estivesse usando um aparelho de som muito potente em algum dos outros apartamentos", disse o morador Eric Pemberton. "Tive que fechar as janelas e deixar apenas um fresta da porta aberta para que meu gato pudesse entrar e sair. Levei um tempo para perceber que o som vinha do outro lado do rio," disse o morador de 67 anos que vive em Londres no distrito de Tower Hamlets. A Millennium Dome fica no distrito de Greenwich, ao sul do Tâmisa. "Liguei para os oficiais da saúde do meio ambiente e eles disseram que era Paul McCartney. E eu disse: ?E daí? Ele não paga meus impostos, e se fosse eu fazendo todo esse barulho, eu seria processado?. Eu achei a situação inaceitável e até meu cato ficou incomodado", disse Pemberton.O porta-voz de McCartney comunicou o pedido de desculpas do músico por causa do barulho excessivo. "Nós amamos animais e sentimos muito pelo gato do senhor Pemberton", disse. Um porta-voz do conselho de Greenwich confirmou que McCartney estava usando a Dome para ensaios e que o conselho havia recebido reclamações dos moradores de Tower Hamlets, mas não soube precisar quantas. Já o porta-voz de Tower Hamlets disse que as autoridades vão monitorar o barulho vindo da Dome para assegurar que não exceda os aceitáveis 92 decibéis. A agência proprietária da Millennium Dome, a English Partnerships, não se pronunciou sobre o caso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.