Eminem faz show histórico debaixo da chuva

Após atingir fundo do poço, rapper confirma seu retorno ao topo e mostra que tem substância

Roberto Nascimento, de O Estado de S. Paulo,

06 de novembro de 2010 | 02h04

SÃO PAULO - O dilúvio que deixou partes de São Paulo em estado de atenção nesta noite de sexta-feira, 5, não impediu o rapper americano Eminem de fazer uma apresentação histórica em sua primeira vinda ao País. Debaixo de uma aguaceira que caiu durante o show inteiro e encharcou não só o público que foi ao Jockey Club, mas também o palco, a banda e até o esquema de luzes, Eminem deu um exemplo de gana e seguiu rimando em um show sublime que desponta entre os melhores do ano.

 

No repertório, hits antológicos como My Name / Slim Shady, Lose Yourself e Love the Way You Lie, assim como canções de seu novo disco Recovery, trabalho que marca a volta do artista aos palcos após uma longa luta contra a dependência química.

 

Desde o início, o rapper mostrou determinação e contundência em suas rimas. Movimentou-se com agilidade, como se fosse um pugilista, e atirou certeiro com sua prolífica metralhadora silábica. O ápice do show veio com Not Afraid, canção em que o artista retrata a sua saída do fundo do poço. Uma comoção tomou conta da plateia e o rapper agradeceu: “Obrigado por nunca terem parado de acreditar em mim”. Foi sincero, dramático e tocante, um momento que confirmou o seu retorno ao topo e mostrou que, ao contrário da esmagadora maioria de pop stars, Eminem tem sustância.

 

Os shows de abertura, feitos por Marcelo D2 e o grupo de rap N.E.R.D atrasaram mais de duas horas e foram encurtados. N.E.R.D estava esquentando com suas faixas hiper-dançantes, quando teve de parar. Se tivesse feito um show inteiro, seria a melhor noite internacional do ano na cidade de São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.