GRAMMY LATINO 2020
GRAMMY LATINO 2020

Emicida, Caetano Veloso e Pabllo Vittar concorrem ao Grammy Latino 2020

Premiação da música será realizada no dia 19 novembro; Anitta foi indicada à categoria de melhor canção urbana por 'Rave de Favela'

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de setembro de 2020 | 13h05

A Academia Latina de Gravação anunciou nesta terça-feira, 29, a lista dos indicados ao Grammy Latino 2020.

Entre os nomeados estão Emicida com Majur & Pabllo Vittar por Amarelo (Sample: Sujeito de Sorte - Belchior)João Bosco por Abricó-de-MacacoElza Soares & BaianaSystem com Virgínia Rodrigues por Libertação e Céu na música 'Pardo', todos na categoria Melhor Canção em Língua Portuguesa.

A cantora Anitta foi indicada na categoria Melhor Canção Urbana (Rave de Favela), parceria com Diplo e MC Lan.

Zeca Pagodinho, Maria Betânia, Martinho da Vila, Fernando e Sorocaba, Caetano Veloso, Zeca Baleiro, Ana Vitória, Marcelo Jeneci disputam categorias regionais.

Dentre as novidades, foram criadas as categorias de Melhor Canção Pop/Rock, Melhor Interpretação de Reggaeton e Melhor Canção de Rap/Hip Hop. No total, foram mais de 18 mil inscrições para as 53 categorias do prêmio.  

A premiação será realizada no dia 19 de novembro, às 20h, transmitida pela Rede Univision. 

Confira a lista completa dos representantes brasileiros no Grammy Latino:

Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa

N – AnaVitória

Enquanto Estamos Distantes – As Bahias e a Cozinha Mineira

Apká! – Céu

Guaia – Marcelo Jeneci

Eu – Melim Featuring Você

Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa

AmarElo – Emicida

Little Electric Chicken Heart – Ana Frango Elétrico

Letrux Aos Prantos – Letrux

Universo do Canto Falado – Rapadura

Na Mão As Flores – Suricato

Melhor Álbum de Samba/Pagode

Mangueira – A Menina dos Meus Olhos – Maria Bethânia

Martinho 8.0 – Bandeira da Fé: Um Concerto – Martinho da Vila

Samba Jazz de Raiz, Cláudio Jorge 70 – Cláudio Jorge

Fazendo Samba – Moacyr Luz e Samba do Trabalhador

Mais Feliz – Zeca Pagodinho

Melhor Álbum de Música Popular Brasileira

O Amor no Caos – Volume 2 – Zeca Baleiro

Belo Horizonte – Toninho Horta & Orquestra Fantasma

Bloco na Rua (Deluxe) – Ney Matogrosso

Planeta Fome – Elza Soares

Caetano Veloso & Ivan Sacerdote – Caetano Veloso & Ivan Sacerdote

Melhor Álbum de Música Sertaneja

#Isso é Churrasco (Ao Vivo | Deluxe) – Fernando & Sorocaba

Origens (Ao Vivo em Sete Lagoas) – Paula Fernandes

Livre – Volume 1 – Lauana Prado

Churrasco do Teló – Volume 2 – Michel Teló

Por Mais Beijos Ao Vivo – Zé Neto & Cristiano

Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa

Veia Nordestina – Mariana Aydar

Aqui Está-se Sossegando – Camané & Mário Laginha

Acaso Casa Ao Vivo – Mariene De Castro e Almério

Targino Sem Limites – Targino Gondim

Obatalá – Uma Homenagem a Mãe Carmen – Grupo Ofa

Autêntica – Margareth Menezes

Melhor Canção em Língua Portuguesa

A Tal Canção Pra Lua (Microfonando) – Vitor Kley e Samuel Rosa

Abricó-de-macaco – João Bosco

AmarElo – Emicida feat Majur e Pabllo Vittar

Libertação – Elza Soares & BaianaSystem feat Virgínia Rodrigues

Pardo – Céu

Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa

Catarse – Daniela Araújo

Reino – Aline Barros

Profundo – Ministério Mergulhar

Maria Passa À Frente – Padre Marcelo Rossi

Memórias II (Ao Vivo em Belo Horizonte) – Eli Soares

Tudo o que sabemos sobre:
Grammy Latino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.