Em SP, a festa brasileira do Grammy Latino

Foi ontem à noite a entrega brasileira do Grammy Latino em evento que ocorreu no Bourbon Street, em São Paulo. Tendo como apresentadora da cerimônia a ex-MTV, escritora e agora também cantora Babi, a festa marcou as entregas dos troféus dos escolhidos brasileiros que não foramreceber seus prêmios na cerimônia realizada em setembro, em LosAngeles. "É o Brasil fazendo sua festa dentro da festa", comodisse Gilberto Gil ao receber seu troféu na categoria melhorálbum de música regional brasileira por São João Vivo.Essa é a terceira edição do Grammy voltadoexclusivamente às músicas de origem espanhola e portuguesa. Das41 categorias, 7 são dedicadas à produção brasileira. Neste ano,nas categorias gerais, Xuxa - Só para Baixinhos Volume 2 foio escolhido como melhor álbum infantil e padre Marcelo Rossivenceu na categoria de álbum de música cristã por Paz - AoVivo.Em música clássica, o Quarteto Amazônia ganhou o troféupelo disco Quarteto Amazônia Toca Piazzolla e a dupla Sérgioe Odair Assad foi a escolhida na categoria melhor álbum de tangopor Sérgio&Odair Assad Play Piazzolla.Já nas 7 categorias brasileiras figuraram Gilberto Gil,Lenine (álbum Falange Canibal na categoria popcontemporâneo); Zeca Pagodinho (Deixa a Vida me Levar,melhor disco de samba/pagode); a dupla sertaneja Bruno & Marrone(Acústico - Ao Vivo); Cássia Eller (melhor álbum de rock porseu Acústico MTV); Chico Buarque e Edu Lobo na categoriamúsica popular brasileira pelo trabalho Cambaio; e Dori Caymmi ePaulo César Pinheiro pela canção Saudade de Amar. Mas nafesta brasileira, só compareceram Gil e a dupla Bruno & Marrone.Já os outros artistas foram representados pelos produtores dosdiscos e engenheiros de som.A presença dos presidentes das gravadoras Trama e SonyMusic mostra o caráter comercial do prêmio que possibilita umavisibilidade internacional - principalmente em relação aomercado americano e europeu - para a música brasileira, comodisse o presidente da Associação do Grammy Latino, o mexicanoGabriel Avalor. Ele também afirma que há somente 250 membrosvotantes na academia e que a Espanha tem mais de 600. Avalorpediu por mais associados. Além disso, os discursos tambémfaziam repúdio à pirataria e sinalizavam que o próximo governobrasileiro deve tratar desse problema.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.