Em baixa, Puff Daddy liqüida gravadora

Puff Daddy resolveu dar um desconto para o possívelcomprador de sua gravadora, a Bad Boy Records, que está à vendadesde o início do ano passado. De acordo com o web sitePeoplenews.com, o rapper e empresário está em negociações parapassar o selo para o Elektra Entertainment Group, da giganteWarner Music. O preço: US$ 10 milhões, ou seja, US$ 90 milhões amenos do que ele queria um ano atrás, quando a Bad Boy deixou aArista.O descontão mostra o que todo mundo já tinha percebido: P. Diddynão é mais rei do hip-hop. A Bad Boy está mal daspernas e não tem nenhum artista em ascensão. Ao contrário, todos estão em decadência. Entre suas perdas nos últimos tempos, estão a cantora Faith Evans, que debandou para outra gravadora; o rapper Jamal "Shyne" Barrow, que foi parar na prisão ao atirar em uma boate na qualtambém estavam P. Diddy e J. Lo; e o rapper Mace, que viroupastor da Igreja Batista no estado da Geórgia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.