Elo com suposto mafioso constrange Michael Jackson

Que as finanças de Michael Jackson vão mal, já se sabe. O que se especula agora é que o "rei do pop" mantém ligações com gângsteres a fim de dar novo fôlego a seu orçamento. Fontes ouvidas pelo site de celebridades Peoplenews disseram que o cantor e seus filhos foram recebidos pelo milionário Al Malnik em sua mansão na Flórida. Em retribuição, Jackson teria feito uma festa para Malnik em seu restaurante em Miami. O constrangimento se deve ao fato de que o milionário Malnik é suspeito de ser um dos maiores mafiosos dos Estados Unidos. Segundo a assessoria do cantor, eles se conhecem apenas socialmente e não mantêm negócios.Correm rumores de que Jackson procurou Malnik para se aconselhar sobre dinheiro. Segundo o Peoplenews, toda a dinastia Jackson já esteve com o milionário pelo menos uma vez pela mesma razão. Mas de alguns anos para cá o governo dos EUA vem investigando Al Malnik. Ele é considerado como herdeiro do ex-chefão da máfia Meyer Lansky. Uma eventual conexão com a máfia poderia ser mais que um novo arranhão na imagem do pop star, que nos últimos anos luta contra a insistente queda na venda de seus discos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.