David McNew/Reuters
David McNew/Reuters

Eagles lançará caixa para colecionadores com todos seus discos

Coletânea terá duas versões que virão acompanhadas por um livro que repassa a carreira de um dos grupos mais populares da história do rock.

Agência EFE, O Estado de S.Paulo

27 Setembro 2018 | 03h54

A banda americana de rock, Eagles, lançará no próximo dia 2 de novembro, uma caixa para colecionadores com todos os discos da sua bem-sucedida trajetória, informou na quarta-feira, 26, o grupo em seu site oficial. "Legacy" contará com 12 discos, incluindo os sete álbuns de estúdio do Eagles, mais três ao vivo, uma compilação de singles e lados B e dois shows em vídeo ("Hell Freezes Over" e "Farewell 1 Tour: Live from Melbourne").

A caixa também será lançada em formato vinil com 15 discos, mas, neste caso, não estarão inclusos os vídeos dos concertos. As duas edições de "Legacy" virão acompanhadas por um livro de 54 páginas que repassa a carreira de um dos grupos mais populares da história do rock.

Fundado na Califórnia (EUA) nas década de 1970, sob a liderança de Glenn Frey (falecido em 2016, aos 67 anos) e Don Henley, o Eagles fez sucesso graças a discos como "Desperado" (1973) e "Hotel California" (1976).

Sua coletânea "Their Greatest Hits (1971-1975)", lançada no início de 1976, recuperou em agosto o título do disco mais vendido da história nos Estados Unidos, ao superar "Thriller" (1982) de Michael Jackson. Segundo a nova apuração da Associação da Indústria da Gravação dos EUA (RIAA, sigla em inglês), este álbum do Eagles vendeu 38 milhões de cópias, acima das 33 milhões da unidades comercializadas do álbum do Rei do Pop. 

Mais conteúdo sobre:
EaglesMichael Jacksonrock

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.