É tempo de redescobrir Jorge Mautner

É tempo de redescobrir JorgeMautner. Além de seu disco em parceria com Caetano Veloso, quechega às lojas na segunda quinzena, ele está em turnê promovendoo lançamento de sua obra literária completa, a caixa Mitologiado Kaos (Azougue Editorial). Amanhã, no Sesc Pompéia,acompanhado do eterno parceiro Nelson Jacobina, ele faz mais umshow para divulgar o lançamento.Além de seus clássicos literários, como Deus da Chuvae da Morte (1962), obra que influenciou uma geração e outrosartistas, como José Agripinio de Paula, o pacotaço traz tambémum livro inédito do artista, Floresta de Esmeraldas (escritoem 1999). Deus da Chuva foi o primeiro livro do autor,escrito quando ele tinha apenas 17 anos.Outros livros são Fragmentos de Sabonete, Sexo doCrepúsculo, Kaos, Vigarista Jorge, Narciso em TardeCinza e Panfletos da Nova Era. O pacote inclui um CD com aregravação de quatro músicas em versões inéditas (FilhoPredileto de Xangô, Iluminação, Herói das Estrelas eTataraneto do Inseto), além de poemas sonorizados reunidossob o título Floresta Verde-Esmeralda.A caixa custa em média R$ 160 e pode ser encomendada àAzougue Editorial (Av. Lineu de Paula Machado, 926, apto. 201 -CEP 22470-040, SP) ou pela internet (www.azougue.com.br).Mas a mautnermania não termina aqui. A Universal Musicdespejou no mercado esta semana uma série de discos reunidos soba chancela Estréia, que traz os primeiros álbuns de genteimportante. No pacote está Para Iluminar a Cidade (1972), oprimeiro disco de Mautner como menestrel tropicalista.Tardio em relação aos seus discípulos, que o gravaramantes mesmo disso, Mautner mostra uma assustadora vitalidade noregistro, feito em show no Teatro Opinião nos dias 27 e 30 deabril de 1972."A gente chamava ele de mestre, mas principalmente ele cantavasuas cantigas de chuva com o seu bandolim. Ele não tem nenhummedo do ridículo. Ele parece com tudo. Ele é completamentediferente de tudo o que há na música brasileira, no show bizbrasileiro, ele parece uma formiguinha com o seu bandolim, umtelefone, ele sabe imitar porta, vagalume, liquidificador. Sóescreve clichê, com a originalidade de um marciano", escreveuCaetano Veloso nas notas do disco. Tudo estritamenteapropriado.Jorge Mautner. Com Mautner (violino e voz) e Nelson Jacobina(violão e guitarra). Às 21 horas. Preços: R$ 10,00, R$ 7,50 e R$5,00. Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, tel. (11) 3871-7700.

Agencia Estado,

07 de agosto de 2002 | 17h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.