Rock in Rio
Rock in Rio

Dona Onete comanda noite do Pará no Rock in Rio 2019

Fafá de Belém, Gaby Amarantos, Jaloo e Lucas Estrela participam do show no Palco Sunset no dia 3 de outubro

Guilherme Sobota, O Estado de S.Paulo

26 de fevereiro de 2019 | 20h15

É missão impossível hoje em dia ir a uma festa de música brasileira e não ouvir as palavras "jambu", "piranha" e "tacacá" - uma enorme parcela de "culpa" dessa constatação recai sobre Dona Onete, a cantora prodígio do Pará (o fato de ela estar à beira de completar 80 anos não desmente o adjetivo). É ela que vai comandar o show "Pará Pop" no Palco Sunset do Rock in Rio 2019. no dia 3 de outubro.

Ela recebe no palco quatro artistas que contam uma história da música paraense nas últimas décadas: Fafá de Belém, Gaby Amarantos, Jaloo e Lucas Estrela.

Professora por 25 anos e ativista cultural no interior do estado, Dona Onete prepara para maio seu terceiro disco autoral, Rebujo (depois de Feitiço Caboclo de 2012 e Banzeiro, de 2016, trabalhos que levaram sua fama tardia para turnês em vários continentes e para todas as caixas de som do Brasil. "Eu era professora, não achava que chegaria tão longe", disse ela na tarde desta terça-feira, 26, em São Paulo.

"Dona Onete veio coroar a união de tudo o que acontecia no Pará", garantiu Fafá de Belém, no mesmo encontro promovido pelo Rock in Rio para anunciar o show.  "Ainda sofremos, porque o Pará segue fora da rota. Mas acredito que essa visibilidade do Rock in Rio vai abrir os olhos de todos para essa cena."

O diretor artístico do Palco Sunset, Zé Ricardo, disse que a intenção é justamente chamar atenção para uma cena, e não necessariamente para artistas específicos. "O Rock in Rio não consegue estar em todos os estados do Brasil, mas existe uma ideia de provocar que as pessoas busquem trabalhos diferentes, como os desses músicos", disse.

Gaby Amarantos também prepara um novo álbum para 2019. Os primeiros singles devem sair em abril: Cachaça de Jambu (com a Gangue do Eletro) e Ilha de Marajó (com música do Mestre do Verequete, morto em 2009).

Segundo a cantora e compositora, o objetivo é atingir um tecnobrega mais maduro. "Será um estilo que tecnologicamente tem mais interação com o pop internacional. Segue a olhar para a periferia de Belém, mas também dialoga com o mundo", explica. Ela também ressalta o papel social que o ritmo cumpre no norte do País, ao incluir socialmente por meio de grupos de dança (o treme) e fã-clubes, entre outros projetos relacionados. A produção do disco será assinada pela própria Gaby Amarantos e por Rafa Ramos.

Quando é o Rock in Rio 2019?

O festival ocorre nos dias 27, 28, 29 de setembro e 3, 4, 5 e 6 de outubro no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. A venda de ingressos começa no dia 11 de abril. 

Tudo o que sabemos sobre:
Dona Onete

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.