Bjorn Larsson Rosvall /TT News Agency/via Reuters
Bjorn Larsson Rosvall /TT News Agency/via Reuters

DJ Avicii terá funeral privado

Artista foi encontrado morto em uma praia de Omã no mês passado

Johan Ahlander, Reuters

22 Maio 2018 | 18h55

O DJ sueco e produtor musical Avicii, encontrado morto no mês passado em Omã aos 28 anos, terá um enterro privado, disse sua assessoria de imprensa nesta terça, 22.

Avicii, cujo nome real era Tim Bergling, era uma das principais estrelas da música eletrônica.

"A família Bergling confirmou que o funeral será privado e contará apenas com a presença das pessoas que foram muito próximas de Tim", Ebba Lindqvist, sua assessora, disse em comunicado sem dar outros detalhes.

A causa da morte ainda não foi divulgada, mas também em comunicado, mês passado, a família deu indícios de que ele teria cometido suicídio, dizendo que ele tinha problemas e "não podia mais continuar".

+++ 'Avicii já não tinha forças, queria encontrar paz', diz família

Avicii, conhecido por hits como Wake Me UpHey Brother, anunciou em 2016 que ele estava se aposentando das turnês por problemas de saúde, mas ele continuou fazendo música e foi indicado ao prêmio Billboard em abril.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.