Dixie Chick volta atrás e pede desculpa a Bush

Natalie Maines, integrante do trio Dixie Chicks,pediu desculpas por um comentário que começava a ameaçar a carreira da banda. Ela desculpou-se ao presidente George W. Bush por uma declaração que fez sobre ele na Inglaterra na semana passada. Na ocasião, a cantora disse ter vergonha de que o presidente dos Estados Unidos também fosse do Texas.A partir de então, uma série de rádios de country music, especialmente no Texas, começou a boicotar as canções do trio. Em algumas cidades, fãs juntaram-se para jogar fora CDs das Dixie Chicks. A cantora reagiu dizendo que seus comentários "geraram frustração, mas um dos privilégios de ser americana é ser livre para expressar seu ponto de vista". Mas não foi o suficiente, e os protestos continuaram.Agora, em comunicado, a cantora disse que "quem tem o cargo de presidente precisa ser respeitado de qualquer maneira" e que ficou impressionada com o sentimento anti-americano que toma conta da Europa atualmente. O trio vai começar uma turnê em seu país no dia 1º de maio, para promover seu premiado disco Home.

Agencia Estado,

17 de março de 2003 | 12h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.