Divas fazem show mágico no Canecão

Dona Ivone Lara, Maria Bethânia, Alcione e Ana Carolina fizeram um show mágico e eletrizante ontem à noite no palco do Canecão, em benefício à Casa das Palmeiras - referência no tratamento de distúrbios mentais através da arte - na terceira edição do projeto Loucos por Música. As divas da MPB pareceram crianças se divertindo em um parque de diversões, com direito a uma despojada Bethânia, de cabelos presos, tropeçando no palco e quase indo ao chão, e Dona Ivone, aos 83 anos, se requebrando como uma jovem passista. Chamada ao palco pela dupla de atores Natália Thimberg e José Wilker, a banda Harmonia Enlouquece, formada por 13 integrantes, entre médicos e usuários, do Centro Psiquiátrico Rio de Janeiro, surpreendeu o público com canções próprias e de cunho social, fazendo alusões aos pesados medicamentos ministrados aos pacientes portadores de distúrbios mentais e ao drama dos meninos de rua. Em seguida, os atores Dira Paes e Caio Blat anunciaram a entrada de Ana Carolina. Com o repertório rico em sucessos consagrados pelo público, Ana Carolina incendiou a platéia e fez o primeiro dueto da noite com Alcione, em Violão e Voz e Nem Morta. Mas foi no fim de sua apresentação que o Canecão teve o primeiro momento de delírio. Enquanto Ana cantava Pra Rua Me Levar, Bethânia entrou no palco surpreendendo o público. Ao fim da canção um novo dueto: Solidão, sucesso de Sandra de Sá. Sozinha no palco, Bethânia cantou Reconvexo, Negue, Volta Por Cima, e, com Alcione, Ternura Antiga, de J. Ribamar e Dolores Duran, e O Meu Amor, de Chico Buarque. Ao fim da primeira música, caminhando de costas para reverenciar a parceira, Bethânia tropeçou em uma caixa de som e se desequilibrou. "A gente não está acostumada com esse negócio", disse ela, que em seus shows solo exige o maior espaço possível livre no palco. E encerrou sua apresentação dividindo Fera Ferida com Ana Carolina e Alcione. Após Bethânia, e apresentada pela dupla de atores Vanessa Lóes e Thiago Lacerda, Alcione entrou para cantar músicas do novo CD: Meu Ébano, Uma Nova Paixão e Obrigada, além dos sucessos anteriores, Faz uma loucura por mim e Você Me Vira a Cabeça ( Me Tira do Sério ), esta última "a pedido de Bethânia". Recebida de pé pelo público, Dona Ivone Lara foi chamada por Alcione, com quem cantou Tiê e, em seguida, sozinha, Mas Quem Disse Que eu Te Esqueço e Sorriso de Criança. E encerrando uma noite perfeita - exceção para os problemas no som, Dona Ivone iniciou Sonho Meu e, perfiladas, Ana Carolina, Alcinone e Bethânia entraram no palco para dividir a música e acabar com as duas horas e meia de brincadeira. "Foi um momento lindo e emocionante. O público cantou a música de todas nós e conseguimos o objetivo que era o de ajudar a Casa das Palmeiras", festejou Alcione ao término do espetáculo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.