Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
J F Diorio/AE
J F Diorio/AE

Diogo Nogueira canta sambas clássicos do pai João Nogueira

Cantor faz show de lançamento do CD e DVD 'Sambabook' no Auditório Ibirapuera em São Paulo

Roberta Pennafort - O Estado de S. Paulo,

04 de maio de 2012 | 17h40

RIO DE JANEIRO - Diogo Nogueira, acompanhado de músicos que tocaram com seu pai, João Nogueira (Alceu Maia, Claudio Jorge, Dirceu Leite, Ivan Machado, Jorge Gomes, Jorge Simas, Marcelo Pizzott, Marinho Boffa, Milton Manhães, Paulinho da Aba, Belôba), com um convidado especial por noite (hoje, Mariene de Castro, amanhã, Martinho da Vila, domingo, Marcelo D2), cantando os sambas clássicos do compositor, vivos passados doze anos de sua morte.

São os ingredientes dos shows de lançamento dos CDs e DVD Sambabook (Musickeria), no Auditório Ibirapuera (hoje e amanhã às 21 horas e domingo às 19 horas). O de amanhã entrou na programação da Virada Cultural, e já teve os ingressos (gratuitos) esgotados. "Esse repertório está na boca das pessoas. No Rio, foram três mil pessoas cantando todas as músicas, só uma ou duas são menos conhecidas. Em São Paulo vai ser a mesma coisa", acredita Diogo.

Entre essas estão João e José, gravada por Martinho no Sambabook, e E Lá Vou Eu, registrada por Jorge Aragão. As 24 faixas do DVD estão no show. Mariene de Castro vai cantar Um Ser de Luz. Marcelo D2, para quem João é ídolo desde a adolescência, Baile no Elite. Minha Missão, Poder da Criação, Súplica, Espelho, Nó Na Madeira, os maiores sucesso de João, que Diogo também já gravou, são pontos altos.

"São músicas que vão passando para os jovens, mesmo sem tocar no rádio", diz Alceu Maia, na direção, cavaco e banjo. "É curioso ver que os fãs do Diogo que não conhecem o repertório do João acham que são músicas inéditas. Quando ouvem Espelho, acham que é o Diogo falando com o pai, quando a música é do João falando com o pai dele".

Parte dos músicos "conheceu" Diogo na barriga da mãe; outros acompanharam sua infância e adolescência. Hoje, veem seu sucesso. Diogo, de 31 anos e cinco de carreira, não queria ser cantor, e sim jogador de futebol. Teve de parar de jogar por conta de uma lesão no joelho. Já gravou dois CDs e dois DVDs de carreira e é nome forte entre as novas vozes do samba.

O kit completo do Sambabook João Nogueira inclui uma discobiografia escrita pelo jornalista Luiz Fernando Vianna e editada pela Casa da Palavra, que fala de vida e obra, os 40 anos de carreira, as 200 composições e os 20 discos gravados, e um fichário com as partituras completas de 60 das músicas mais representativas, em ordem alfabética, de Albatrozes (só de João) a Xingu (com Paulo César Pinheiro, principal parceiro).

O livro tem fotos da intimidade e da vida profissional de João, desde os anos 60, e histórias e faixas de cada álbum. O fichário tem as partituras completas, com harmonia, melodia, letra, desenhos dos acordes - assim, os sambas poderão ser tocados da forma exata como foram compostos.

O projeto foi gestado por Diogo e seu empresário, Afonso Carvalho, sócio da Musickeria, com o objetivo de perpetuar a obra de João.

Serviço:

Auditório Ibirapuera

Dias: 04, 05 e 06 de Maio

Horários: Sesta e sábado, 21h. Domingo, 19h

Duração: 90 minutos

Ingressos: RS 20,00 e R$ 10,00 (meia-entrada). Para o sábado (5), os ingressos estão esgotados.

Tudo o que sabemos sobre:
Diogo Nogueira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.