Diana Ross se livra de voltar à prisão

Diana Ross não terá de cumprir novamente a pena de dois dias de prisão por embriaguez. O incidente ocorreu em Tucson, Arizona, mas a pena foi cumprida em Greenwich, Connecticut, onde mora. Mas um juiz de Tucson havia considerado que a cantora de 60 anos não tinha passado 24 horas consecutivas presa, conforme manda uma lei estadual. Em razão disso, determinou que ela cumprisse novamente a pena, e desta vez em Tucson. Após uma audiência na semana passada, o juiz T. Jay Cranshaw voltou atrás e reconheceu, ontem, que Diana não teve culpa por não cumprir todas as horas presa: foi liberada porque não havia mulheres no serviço de guarda para mantê-la detida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.