Diana Ross é condenada a dois dias de prisão

A cantora Diana Ross foi condenada a passar dois dias na prisão por dirigir bêbada, no Arizona. Uma das grandes vozes de R&B, Diana não quis comentar a pena. O juiz de Tucson T.Jay Cranshaw considerou Diana culpada e sentenciou-a a passar 48 horas na prisão, frequentar reuniões dos Alcóolicos Anônimos, passar um ano sob liberdade condicional e a pagar uma fiança de cerca de US$ 850.Diana, de 59 anos, viveu os melhores momentos de sua carreira como cantora do grupo Supremes, nos anos 60, e esteve 14 vezes consecutivas no topo da lista dos discos mais vendidos, tendo sido indicada ao Oscar de melhor atriz ao fazer no cinema o papel da cantora Billie Holiday em 1972, no filme Lady Sings the Blues. Ela teve mais de 70 sucessos musicais e foi indicada ao Grammy pelo menos nove vezes.A cantora foi presa em 30 de dezembro de 2002, por dirigir seu carro na contramão fora dos limites da cidade e no momento em que foi detida, sua prova de alcoolemia registrou um nível alcoólico de 0,20 por cento, três vezes superior ao limite estabelecido pelo estado do Arizona.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.