Dez anos da morte de Cazuza

Desde fevereiro, Cazuza tem recebido homenagens condizentes com sua genialidade. A principal sem dúvida, foi a criação do teatro musical Cazas de Cazuza escrito e dirigido pelo jovem Rodrigo Pitta. Dez anos após a sua morte, a obra do poeta será revisitada em um tributo, nessa sexta, no Anhembi. O espetáculo conta com a abertura de Cazas... e, como não poderia faltar, o show do Barão Vermelho e a presença de Lucinha Araújo, mãe do cantor, a partir das 21 horas.A justa homenagem terá ainda fins beneficentes. O ingresso equivale a três quilos de alimentos não perecíveis (exceto sal e açúcar), que devem ser trocados nas entidades Ação Solidária contra o Câncer Infantil (Rua Oscar Freire, 1.990), Associação Educacional para Múltipla Deficiência (Rua Baltazar Lisboa, 212), Associação do Hospital do Mandaqui (Avenida Voluntários da Pátria, 4.301), Centro de Assistência Brás Mooca (Rua Almirante Brasil, 664) e na Avenida Kennedy, em frente do ginásio poliesportivo (São Bernardo do Campo).Em cartaz até o fim de semana passado, na Tom Brasil, Cazas de Cazuza foi visto por quase 100 mil pessoas no Rio, em Belo Horizonte, em Santos e em Jundiaí. O espetáculo, realizado por um grupo de jovens atores e intérpretes, reúne o que há de melhor na poesia marginal, complexa, urbana, ampla e atual de Cazuza. Sete personagens que amarram o enredo do musical vivem num prédio de apartamentos do Baixo Leblon, na zona sul do Rio. São histórias convincentes. Elas traduzem, de forma simples, imediata e sem rigidez biográfica, a essência dos diversos Cazuzas.Cazas... foi adaptado para apresentação de amanhã. Ganhou um formato mais reduzido e a inédita parceria do Barão Vermelho - encontro previsto para o fim da noite. O evento está sendo produzido pela rádio 89 FM e conta com o patrocínio da Yahoo e Sorriso Fresh."Tributo a Cazuza". Setores 3 e 4 do Anhembi, ao lado do estacionamento. Sexta, a partir das 21h. Os ingressos devem ser trocados por 3 kg de alimento não perecível.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.