Definido júri do cantor Michael Jackson

A seleção do júri de 12 membros que decidirá o destino do astro pop Michael Jackson, no caso em que ele é acusado de abuso sexual de menor, foi concluída hoje, muito antes do previsto. "Temos um júri completo", anunciou o juiz Rodney S. Melville. Entre os 12 escolhidos há quatro homens e oito mulheres, com idades que variam dos 20 aos 79 anos. Quanto à raça, sete dos jurados são de origem anglo-saxã, quatro de origem latina e um é asiático. Depois de os 12 terem prestado o juramento, os advogados passaram à fase de seleção dos oito suplentes. Havia sido previsto que a seleção do júri do cantor duraria várias semanas, mas foram necessários apenas cinco dias de trabalho do tribunal, descontando os dois recessos de uma semana cada, um devido à morte da irmã do advogado de defesa de Jackson, Thomas Mesereau, e outro, na semana passada, devido à hospitalização do cantor por causa de uma forte gripe.Entre os jurados está uma mulher que disse que seu neto foi obrigado a ser registrado como agressor sexual por causa de um crime; uma mulher que declarou ser parente do piloto do vôo 93, um dos aviões seqüestrados no ataque terrorista de 11 de setembro; um homem de 20 anos que se diz aficionado pelo seriado Os Simpsons; e outro que é interessado em música country e na arte do oeste dos Estados Unidos.Durante o interrogatório dos potenciais jurados, Mesereau perguntou-lhes sobre seus interesses em arte, sua opinião sobre Jackson e se eles achavam que era possível manipular crianças para que mentissem em testemunhos. A defensa argumentará que a mãe do menino que acusa Jackson de abuso o forçou a mentir.O fiscal auxiliar do distrito Ron Zonen perguntou aos candidatos se eles eram fãs da música de Jackson e se haviam assistido a uma entrevista do cantor com Geraldo Rivera, em que Jackson disse que muito do se quis sobre ele nos jornais é mentira.Ao terminar a seleção, Jackson se dispôs a conversar com os jornalistas sobre as roupas que ele tem usado no tribunal. Ele respondeu brevemente a pergunta de um jornalista sobre uma corrente de ornamentos brilhantes que pendia do colete vermelho que ele usava sob o paletó. Mas ele não soube o que dizer quando perguntado sobre um brasão que traz o desenho de um veado. "Meu estilista é quem combina as peças que vou usar", disse.O cantor, de 46 anos, é acusado de abusar sexualmente de um menino de 13 anos, dar-lhe vinho e conspirar para manter ele e a família presos no rancho Neverland. Ele se declarou inocente de todas as acusações. O julgamento pode durar até seis meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.