Da bossa ao forró, Brasil é destaque em Montreux

A 37ª edição do Montreux Jazz Festival vai ter forte participação brasileira. A cidade suíça fará seu tradicional festival de música entre 4 e 20 de julho. Por três noites consecutivas, a programação será dominada por atrações do Brasil.Na Gala Night, dia 11, Chico César abre um show conjunto de Gilberto Gil e Maria Bethânia. No dia seguinte, é a vez da Brazil Fiesta, que vai ser aberta pelo grupo de forró Falamansa, segue com Jair Rodrigues e seus filhos Luciana Mello e Jair Oliveira, e termina com um show do Cidade Negra.No dia 13, o papa da bossa nova, João Gilberto, toma o palco de Montreux, fazendo um tributo a Tom Jobim, que vai ser fechada por Jacques Morelenbaum e o japonês Ryuichi Sakamoto.Os músicos brasileiros vão dividir a programação com grandes nomes do rock progressivo e outras tendências. Estarão em Montreux bandas que marcaram época nos anos 70, como Yes e Jethro Tull, gigantes do jazz como George Benson, e fenômenos do pop mais recentes, como o Radiohead e Jamiroquai.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.