Creed acaba depois de 24 milhões de álbuns vendidos

A banda com tendências espirituais Creed, cujos maiores hits, Higher e With Arms Wide Open, fizeram dela uma das bandas de rock que mais vendeu discos nos últimos anos acabou. Três dos quatro membros da banda, o guitarrista, Mark Tremonti; o antigo baixista, Brian Marshall; e o baterista, Scott Phillips, anunciaram imediatamente que vão formar uma nova banda, sem o vocalista Scott Stapp, mas deixaram claro que não será "apenas o Creed com um novo cantor". Os três álbuns da banda venderam juntos 24 milhões de cópias nos Estados Unidos. Enquanto muitos críticos os classificaram como uma cópia fraca de Pearl Jam, os membros do Creed usaram o fato em seu benefício para atrair os fãs e acumular dinheiro. O compositor Stapp cresceu num ambiente ligado à religião e freqüentemente explorava tópicos espirituais em suas canções. Em um momento, cinco das oito primeiras perguntas de um questionário das FAQ (perguntas feitas com mais freqüência) no site da banda da Flórida envolviam Cristianismo. Uma delas era "Creed é uma banda cristã?". A banda sempre disse que não.Stapp e o guitarrista Mark Tremonti eram amigos de longa data e parceiros na composição das músicas. Mas a amizade foi abalada nos últimos dois anos, como contou Tremonti em uma recente entrevista ao site da MTV americana, o que causou a tensão entre os componentes da banda. "Houve muito drama. Não foi criado por ninguém em particular, mas deixou de ser divertido", disse hoje o baterista Scott Phillips. Stapp não foi encontrado para comentar o fim da banda, que havia dado uma parada em 2003. Os músicos se reuniram no final do ano para produzir um novo material. "Mas o astral não era mais o mesmo", disse Phillips.Mesmo assim, eles não esperavam acabar com uma banda de tanto sucesso e planejaram dar um tempo maior, mas um outro projeto começou a ir tão bem que eles decidiram não voltar, disse Phillips. A nova banda, Alter Bridge, é formada por Tremonti, Phillips e o baixista Brian Marshall. O cantor e compositor Myles Kennedy, antes da banda Mayfield Four, foi chamado para ser o quarto membro. O primeiro álbum deve ser lançado em agosto. Enquanto isso, Stapp está trabalhando em um álbum solo com a banda canadense Tea Party e vai lançar sua primeira gravação solo numa trilha sonora de músicas inspiradas no filme A Paixão de Cristo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.