Confirmado: Patti Smith vem para o Tim Festival

A cantora Patti Smith será a grande atração roqueira do próximo Tim Festival. A reportagem apurou que ela canta em outubro no Museu de Arte Moderna, no Rio de Janeiro, e também se apresenta em São Paulo. As datas ainda estão por ser anunciadas.Sacerdotisa do punk rock, Patti Smith é uma das personagens mais importantes da história da contracultura americana. Amiga dos beatniks, de Andy Warhol e Robert Mapplethorpe (com quem viveu no Chelsea Hotel), ela ajudou a deflagrar a revolução punk.Hoje com 58 anos, a diva do lado escuro das ruas de Nova York só encontra equivalente em dois outros nomes: Lou Reed e Bob Dylan. A cantora chegou a Nova York nos anos 60, quando tinha 19 anos (passou a infância em Paris). Influenciada pelas leituras de Rimbaud e pelos escritos de William Burroughs, tornou-se uma performer explosiva - quebrou uma vértebra, ao ser atirada de um palco em Tampa, Flórida, em 1977. Idealista e libertária, manteve relacionamentos problemáticos com Robert Mapplethorpe e o dramaturgo Sam Shepard (escreveu uma peça com ele, Cowboy Mouth). Tornou-se amiga de Lou Reed e John Cale e foi aceita numa espécie de círculo de iniciados. Escreveu diversos livros de poesia, como Witt e Seventh Heaven, e também esteve próxima de dois ícones do rock, Jim Morrison e Jimi Hendrix, em um álbum histórico, Horses (1976, produzido por John Cale). Também tem canções épicas em filmes, como Until the End of the World, de Wim Wenders, e Dead Man Walking, de Tim Robbins.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.