Começa julgamento do marido de Amy Winehouse em Londres

Fielder-Civil é acusado, dentre outras coisas, de tentar subornar uma testemunha em caso de agressão física

Ansa,

02 de junho de 2008 | 17h29

Começou na manhã desta segunda-feira, 2, o julgamento do produtor audiovisual Blake Fielder-Civil, marido da cantora britânica Amy Winehouse, acusado de dificultar as ações da justiça londrina. O caso é julgado na corte de Snaresbrook, no centro de Londres, e se for condenado, Fielder-Civil pode pegar vários anos de prisão. Veja também:Amy Winehouse se atrasa para primeiro show pós-reabilitação As principais acusações dirigidas ao marido de Amy são de tentar subornar uma testemunha em um caso de agressão física, além de tentar agredir gravemente uma pessoa. Fielder-Civil, que luta contra o vício do álcool e drogas, está preso há vários meses na penitenciária de Pentonville, no norte de Londres. Já a cantora Amy Winehouse deu, em Portugal, seu primeiro show ao vivo depois de receber alta de um centro de reabilitação, onde estava internada para se recuperar do vício das drogas. Apesar de ter chegado com atraso ao palco do Rock em Rio de Portugal, a cantora pop executou todas as músicas previstas. Amy, que na semana passada ganhou o prêmio Ivor Novello de composição musical, pediu desculpas ao público pela "voz áspera". "Tinha que ter cancelado este show, mas queria muito estar aqui com vocês", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
Amy WinehouseBlake Fielder-Civil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.