Começa a maior edição do Festival de Montreux

Huey Lewis and the News e os Blues Brothers abriram ontem o 34º Festival de Jazz de Montreux,que terá 300 concertos em 16 dias e tem uma estimativa de público de 220.000 pessoas.O festival contará con dois auditórios, a sala Stravinski, reservado aos grupos ou cantores de maior renome, e a sala Miles Davis, menor, destinada as atuações especiais ou alternativas.Ontem, na abertura, também tocaram no palco principal os texanos do ZZ Top e o guitarrista Joe Satriani, enquanto que no auditório Miles Davis dedicou sua primeira noite ao reggae, com The Abyssianians, Tony Rebel e Sista Ifrica. Neste Sábado, deverá estar no festival a nova estrela do soul americano, Macy Gray, que cantará o sucesso I try, ao lado de Salik Keita.Assim como nas edições anteriores, Montreux apresentará artistas dos mais diversos gêneros, do hip hop à música clássica, passando pelo funk, pela MPB e o puro jazz. O Brasil terá seu espaço durante duas noites, nos dias 14 e 15 - na primeira com a banda Paralamas do Sucesso, seguidos pelo samba de Martinho da Vila. No dia seguinte, na noite chamada "Pernambuco em Canto: Carnaval de Olinda", irá ser montada uma verdadeira festa de carnaval no festival, com Alceu Valenca, Moraes Moreira, Naná Vasconcelos, André Rio, Elba Ramalho, Lula Queiroga e até mesmo a Banda Eva.Também será feita uma noite cubana, na próxima terça-feira, com Michel Camilo, William Cepeda e Maria Ochoa. Al Jarreau, uma das presenças habituais do festival, atuará no dia 10, assim como a cantora portuguesa Misia, ainda que em diferentes salas. Na noite seguinte cantarão a alemã Ute Lemper e o grupo Manhattan Transfer.Outras atrações serão B.B.King; Clarence Gatemouth Brown & Gate´s Express; Shemekia Copeland; os alternativos roqueiros do Sonic Youth; um duo dos intimistas Lou Reed e Suzanne Veja; o trio formado pelo pianista Keith Jarret, o contrabaixista Gary Peacock e o baterista Jack DeJohnette; o mítico George Benson, os ingleses do Everything But The Girl; Ryuichi Sakamoto; Mártires del Compás, e muitos outros.Uma das noites mais especiais será a deste domingo, quando será feita uma homenagem ao francês Serge Gainsbourg, falecido em 1991, na qual participarão sua mulher, Jane Birkin, e também Alain Bashug, Alain Chamfort, Salif Keita e Ute Lemper.Além disso, o paralelo Festival Off realizará 350 concertos gratuítos nos quais tocarão aproximadamente 2.000 músicos novatos, de diferentes cenários, que estarão tanto dentro dos auditórios do Festival como em outros teatros da cidade. Calcula-se que o público desta paralela chega-se a 140.000 pessoas. Também acontecerão uma série de apresentações acústicas de jazz no pequeno Teatro de Montreux, além de um concurso para solistas de piano. O festival se encerrará no dia 22, com o lendário Deep Purple.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.