Com Deep Purple, Pacaembu vira templo do rock

Amanhã o Pacaembu receberá uma legião de fanáticos vestidos de preto - e não serão os gaviões da fiel. Acostumado a receber jogadores e torcedores do Corinthians nos finais de semana, o estádio de futebol se transformará em um templo do rock. As arquibancadas e o gramado serão invadidos pelos fãs do Deep Purple, Sepultura e Hellacopters, bandas escaladas para o Kaiser Music.O Deep Purple é um velho conhecido do público brasileiro, mas nem experimente chamá-los de "dinossauros" porque eles ficam roxos de raiva. A banda vai mostrar seu último disco, Bananas e, claro, seus clássico. O grupo vem desfalcado de dois ícones - o guitarrista Ritchie Blackmore e o tecladista John Lord -, substituídos, respectivamente, por Steve Morse e Don Airey. Completam o grupo o vocalista Ian Gillan, o baixista Roger Glover e o baterista Ian Paice. Segundo Paice, o público paulista assistirá a algumas sessões de improviso na execução das faixas mais antigas. "Nas músicas novas ainda não nos sentimos muito à vontade para improvisar. Nas antigas, a gente encontra brechas para algumas surpresas."Pela primeira vez no Brasil, os suecos do Hellacopters querem mostrar um pouco do repertório de cada um dos cinco discos da banda. "Vamos tocar um pouco de tudo, mostrar a que viemos", garante o baixista da banda, Kenny Hakansson. "Esperamos por isso há muito tempo. Não imaginávamos que chegaríamos num lugar tão longe." Segundo ele, tocar ao lado do Deep Purple "será fantástico", já que a banda é uma de suas maiores influências.Para Andreas Kisser, guitarrista do Sepultura, o Purple era o único do "trio dos dinossauros" com quem ainda não tinha dividido o palco. "Já tocamos com Black Sabbath e Robert Plant, do Led Zeppelin. " Ele explica que o CD Roorback, lançado em maio na Europa, ainda não chegou no Brasil porque "o mercado está horrível". "O Sepultura não é uma banda de novela. As gravadoras têm medo de trabalhar com a gente." Mesmo assim, a banda apresentará algumas músicas do novo disco.Deep Purple, Sepultura e Hellacopters, amanhã, às 21h, no Estádio do Pacaembu (Praça Charles Muller, sem número). Abertura dos portões: 18h. Ingressos de R$ 30 a R$ 120.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.