Cocaína causou a morte do baixista do The Who

A cocaína foi a causa da morte de John Entwistle, baixista do The Who, aos 57 anos, segundo conclusão anunciada hoje pelo juiz investigador do caso, Ron Flud. Entwistle foi encontrado morto no Hard Rock Hotel, em Las Vegas, em 27 de junho, um dia antes de entrar em turnê. Uma autópsia feita nos Estados Unidos já havia apontado a droga como responsável, em julho, mas, desde que o corpo retornou à Inglaterra, foi necessário abrir nova investigação.Segundo Flud, a cocaína causou uma parada cardíaca que, somada às deficiências que Entwistle já sofria, o levou à morte. "A quantidade de cocaína encontrada não era muito grande. Mas, em uma pessoa que sofre do coração, pode provocar uma interrupção fatal no ritmo cardíaco", acrescentou Lester Maddrell, que preside a Corte de Tewkesbury, no sudoeste da Inglaterra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.