Cobain supera Elvis como artista morto que mais fatura

A morte não é sempre o fim de uma carreira, especialmente no caso dos astros do rock. Kurt Cobain, o vocalista do grupo Nirvana, que se suicidou em 1994, tomou o lugar de Elvis Presley como a celebridade morta que mais fatura, de acordo com um levantamento publicado na versão online da revista Forbes. Nos últimos 12 meses, a obra de Cobain rendeu US$ 50 milhões (cerca de R$ 107 milhões), comparados com os US$ 42 milhões (aproximadamente R$ 90 milhões) faturados pelo trabalho de Elvis. O Rei do Rock liderou a lista nos últimos quatro anos, junto com a um elenco de celebridades mortas que inclui John Lennon, Ray Charles e Bob Marley.A mudança de posição acontece pouco depois que a sua viúva de Cobain, Courtney Love, vendeu 25% de sua participação nos rendimentos gerados pelo trabalho do artista para a companhia Primary Wave, que licencia o trabalho de Cobain em séries como Six Feet Under e para filmes como Soldado Anônimo.Os diretores da Primary Wave dizem que só farão negócios com ?os parceiros certos? e que jamais negociariam com grandes corporações, aceitando só companhias ?com as quais Kurt gostaria de ver sua obra relacionada?.O trabalho do criador dos personagens de quadrinhos Snoopy e Charlie Brown, Charles Schulz, ficou em terceiro, com faturamento de US$ 35 milhões (R$ 75 milhões), seguido pelo trabalho do músico John Lennon, com US$ 24 milhões (aproximadamente R$ 51 milhões).A Forbes afirma que, os trabalhos e as imagens icônicas de alguns artistas que já morreram ?continuam a ter apelo para que seus fãs se lembrem deles?.O cientista Albert Einstein e os artistas Andy Warhol, Ray Charles, Marilyn Monroe e Johnny Cash também aparecem na lista das dez celebridades que mais faturam, mesmo depois de suas mortes.Confira a lista dos dez mais 1. Kurt Cobain 2. Elvis Presley 3. Charles Schulz 4. John Lennon 5. Albert Einstein 6. Andy Warhol 7. Dr Seuss/Theodor Geisel 8. Ray Charles 9. Marilyn Monroe 10. Johnny Cash

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.