Chorões se unem para criar circuito em SP

Três bares de São Paulo, Fidel e Roda Viva, ambos na Vila Madalena, e Aldeia da Villa, em Santana, foram escolhidos para dar o pontapé inicial ao projeto Choro & Cia. O projeto terá início sábado nesses endereços e promete animadas rodas com alguns dos melhores chorões da cidade,sobretudo a velha-guarda do choro. Público para tal gêneromusical é que não falta: admirado por quem é das antigas e estásendo redescoberto pelos mais jovens. Os chorões vão relembrarcanções de Chiquinha Gonzaga, Jacob do Bandolim, AltamiroCarrilho, Pixinguinha, Waldir Azevedo e até os sambas deAdoniran Barbosa.A proposta é transportar o choro para centros deentretenimento, onde o gênero ainda não é explorado. No Fidel eno Aldeia da Villa, a boa música vem acompanhada de feijoada,aos sábados, a partir das 13 horas. No Roda Vida, o eventoocorre aos domingos, às 20 horas. Estamos falando de trêslugares bastante distintos e incomuns quando o assunto é choro.O Bar do Fidel aposta no estilo pub "cubano", onde se fumamcharutos com tranqüilidade. O Roda Viva reverencia Chico Buarquee conta a trajetória do compositor em fotos espalhadas pelasparedes. Já o novo Aldeia da Villa faz estilo descontraído, comshows diversificados em sua programação. O objetivo é ampliar oprojeto Choro & Cia para outras praças. Além disso, asapresentações dos músicos devem ser registradas em CD em julhode 2004.Aldeia da Villa. Av. Luiz Dumont Villares, 628,Santana, tel. 6283-5355.Bar do Fidel. R. Girassol, 398, V. Madalena, tel.3812-4225. R$7 (couvert artístico)Roda Viva. R. Padre João Gonçalves, 162, V. Madalena, tel.3815-2290. R$ 7 (couvert artístico).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.