Fotos: Bruno Bou / Cuca da UNE
Fotos: Bruno Bou / Cuca da UNE

Chico Buarque aparece de surpresa e canta no Canecão ocupado

Músic interpretou 'Apesar de Você', considerada um hino de resistência à ditadura

Clarice Cudischevitch, Especial para O Estado de S.Paulo

05 de agosto de 2016 | 10h17

RIO - O cantor e compositor Chico Buarque apareceu de surpresa na noite de quinta, 4, na  ocupação do movimento Ocupa MinC RJ, transferido, após ser expulso do Palácio Gustavo Capanema, para o ex-Canecão, tradicional casa de espetáculos no Rio fechada desde 2010 e localizado em terreno da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em Botafogo, na zona sul do Rio. Com auxílio de playback, Chico cantou Apesar de Você, considerada um hino de resistência à ditadura, acompanhado em coro por centenas de pessoas do público. A cena foi registrada em vídeo postado na página do Ocupa Minc no Facebook.

O movimento Ocupa MinC RJ surgiu após a decisão do presidente interino Michel Temer de extinguir o Ministério da Cultura - ele voltou atrás depois de manifestações ocupações em vários Estados. O movimento ocupou o Palácio Gustavo Capanema, sede do MEC no Rio, por 73 dias. Saiu de lá na última semana, por decisão judicial cumprida pela Polícia Federal, e decidiu ocupar o Canecão. O espaço fora retomado pela UFRJ, mas está sem uso, devido a  entraves burocráticos.  

Na quinta-feira, 4. aconteceu a "abertura pré-olímpica" do Ocupa MinC RJ no Canecão. Em coletiva de imprensa, Ana Karenina, representante do movimento, informara que várias atrações estavam previstas para o evento, entre eles B. Negão e Zelia Duncan, mas não mencionou o nome de Chico Buarque. 

"Somos um movimento horizontal, diversificado e suprapartidário", afirmou Ana. "Nossa pauta principal é o 'Fora Temer'." O evento de "inauguração" do Ocupa MinC RJ no Canecão teve, ainda, a direção da encenadora Bia Lessa.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.