Chefão da Sony se demite e monta seu próprio selo

O chefão da Sony Music, Tommy Mottola, marido da cantora Thalía e ex de Mariah Carey, deixou a empresa, após 14 anos. O mais alto executivo da gravadora, que trabalhou com Celine Dion, Jennifer Lopez e Bruce Springsteen, decidiu abrir seu próprio selo. Ele tinha mais dois anos de contrato com a Sony, mas a empresa resolveu liberá-lo do compromisso e costurar uma parceria para a fundação do novo selo. "Eu já vinha pensando em enfrentar este novo desafio há um ano, mas só consegui me decidir recentemente", disse Mottola, de 52 anos, salientando que pretende manter uma relação amigável com a Sony, sem desfalcá-la de nenhuma estrela de seu catálogo.

Agencia Estado,

10 de janeiro de 2003 | 12h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.