Cerimônia atrapalhada marca Grammy Latino no Brasil

Vencedores comemoram nas cadeiras; gramofone, típico troféu da cerimônia, será enviado para suas casas

Ana Freitas, do estadao.com.br,

14 de novembro de 2008 | 03h18

A Band trouxe o Grammy Latino para o Brasil este ano. Pela primeira vez, a cerimônia de premiação foi comemorada em outro lugar além de Houston, no Texas, ainda que a premiação principal também estivesse acontecendo lá. O desafio agora é realmente realizar uma festa da magnitude de sua irmã americana, já que premiação brasileira não refletiu, nem de perto, as características da 'sede'.     Veja também:  Cantora gospel brasileira leva dois prêmios no Grammy Latino Galeria com fotos das duas festas do Grammy Latino   A versão paulistana da premiação reuniu nesta quinta artistas e convidados no Auditório do Ibirapuera. Se a princípio o local parecesse pequeno para abrigar premiação deste porte, no fim acabou revelando-se grande demais: no penúltimo bloco, boa parte dos convidados já tinha ido embora, o que obrigou a produção a pedir que as pessoas se sentassem mais para baixo no auditório para mascarar os buracos na platéia.   Em Houston, a festa parecia boa. A repórter Patrícia Maldonado, que acompanhou a premiação no Texas, foi chamada em todos os blocos e mostrava imagem de um auditório dançante, empolgado e de uma cerimônia de grandes proporções.   Na apresentação, Cicarelli não foi mal, mas foram a desenvoltura e o talento de Marcelo Tas que salvaram boa parte do fraco roteiro. Os poucos trechos bem humorados (mas nem tanto) do texto ficaram por conta dos repórteres do programa CQC, que num momento fingiram 'seqüestrar' Daniela Cicarelli para que ela lhes desse um Grammy.   Aliás, falando em Grammy, a premiação não premiava: os ganhadores dos prêmios não subiam ao palco para receber o gramofone, típico troféu da cerimônia, com a promessa de que os receberiam em suas casas. Os vencedores, como os roqueiros do CPM22 - cujo "Cidade Cinza" ganhou o prêmio de Melhor álbum de rock brasileiro - e a sambista Beth Carvalho, que fez o Melhor álbum de samba/pagode, estavam na premiação, mas comemoraram na cadeira. Não teve nem abraço nos apresentadores do prêmio.   Apesar dos bons shows de Marcelo D2 e Nelson Sargento, Pitty e Edgard Scandurra, além do show de encerramento, com Sandy e Paula Toller interpretando Carmen Miranda e em seguida Daniela Mercury e os Mutantes com O que é que a baiana tem?, o ponto alto - musical - da noite foi mesmo quando Chitãozinho & Chororó cantaram Brincar de Ser Feliz, canção entoada com vigor pelos convidados da platéia, que nesse momento ainda não tinham fugido das cadeiras. Os mesmos Chitãozinho & Chororó comemoraram visivelmente emocionados o prêmio de Melhor álbum de música tradicional regional ou de raízes brasileiras, com o disco "Grandes clássicos Sertanejos Acústico I".   Claro que não era possível esperar uma réplica fidedigna da grande premiação americana na primeira versão fora do país, mas do ponto de vista de atração que visa prover entretenimento a quem assiste, essa 9ª edição falhou miseravelmente. Infelizmente, foi uma festa fraca, morna. Nem o Sepultura cantando bossa nova e em seguida emendando heavy metal foi capaz de surpreender.   Confira os ganhadores (em destaque) da edição brasileira do 9º Grammy Latino:   Melhor álbum pop contemporâneo brasileiroArnaldo Antunes, "Ao Vivo no Estúdio"Danni Carlos, "Música Nova"Vanessa Da Mata, "Sim" - ouça Ney Matogrosso, "Inclassificáveis"Rosa Passos, "Romance   Melhor álbum de música popular brasileiraMaria Bethânia, "Dentro do Mar Tem Rio - Ao Vivo"Chico Buarque, "Chico Buarque Carioca - Ao Vivo"Seu Jorge, "América Brasil"Omara Portuondo e Maria Bethânia, "Omara Portuondo e Maria Bethânia"Roberta Sá, "Que Belo Estranho Dia Pra Se Ter Alegria"Caetano Veloso, "Cê Multishow ao Vivo"   Melhor álbum de rock brasileiroCharlie Brown Jr., "Ritmo, Ritual E Responsa"CPM 22, "Cidade Cinza" ouça Detonautas Roque Clube, "O Retorno De Saturno"Nação Zumbi, "Fome de Tudo"Pitty, "{Des}Concerto Ao Vivo"   Melhor álbum de música românticaBruno & Marrone, "Acústico II - Volume 1"Daniel, "Difícil Não Falar de Amor"Leonardo, "Coração Bandido"César Menotti & Fabiano, "Com Você"Roberta Miranda, "Senhora Raiz"   Melhor álbum de samba/pagodeBeth Carvalho, "Canta o Samba da Bahia Ao Vivo"Arlindo Cruz, "Sambista Perfeito"Paulinho da Viola, "Acústico MTV"Luiz Melodia, "Estação Melodia"Maria Rita, "Samba Meu"   Melhor álbum de música contemporânea regional ou de raízes brasileirasHarmonia do Samba, "Esse Som Vai Te Levar - Ao Vivo"Elba Ramalho, "Qual o Assunto que Mais lhe Interessa?"Trio Curupira, "Pés no Brasil, Cabeça no Mundo"Trio Virgulino, "26 Anos de Estrada"Victor & Leo, "Ao Vivo em Uberlândia"   Melhor canção brasileiraVanessa da Mata & Sergio Mendes, "Acode"Dudu Falcão, "Coisas que Eu Sei"Djavan, "Delírio dos Mortais"Jota Maranhão & Jorge Vercillo, "Ela Une Todas as Coisas"Marco Moraes & Soraya Moraes, "Som da Chuva"   Melhor álbum de música tradicional regional ou de raízes brasileirasPedro Bento & Zé Da Estrada, "50 Anos de Mariachis & Grandes Sucessos Sertanejos"Renato Borghetti, "Fandango!"Cezar & Paulinho, "Companheiro É Companheiro"Chitãozinho & Xororó, "Grandes Clássicos Sertanejos Acústico I"Siba e a Fuloresta, "Toda Vez que Eu Dou Um Passo o Mundo Sai do Lugar".     Vencedores das principais categorias do Grammy Latino: Gravação do anoAndrea Bocelli e Laura Pausini, "Vive Ya! (Vivere)"Cabas", Bonita"Café Tacuba, "Volver a Comenzer"Juanes, "Me Enamora"Julieta Venegas, "El Presente"   Álbum do anoBuika, "Niña de Fuego" Café, Tacuba "Sino"Vicente Fernández, "Para Siempre"Kany García, "Culquier Dia" Juanes, "la vida... Es un Ratico"   Canção do anoJulieta Venegas, "El Presente"Café Tacuba, "Esta Vez"Kany García, "Hoy Ya Me Voy"Juanes, "Me Enamora"Aureo Baqueiro & Gian Marco, "Todavia"   Artista revelaçãoKany GarciaMonica GiraldoDiogo NogueiraRoberta SáXimena Sariñana   Melhor cantor-compositorDjavan, "Matizes"Gilberto Gil, "Banda Larga Cordel"Pablo Milanês, "Regalo"Fito Páez, "Rodolfo"Tommy Torres, "Tarde oTemprano"

Tudo o que sabemos sobre:
Grammy LatinoBrasilpremiaçãomúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.