CD reúne guitarras de ex-Beatle e ex-Stone

Eles fizeram parte de duas das maiores bandas de rock do mundo. Em comum, têm também o ar instrospectivo e a fama de enjeitados em seus grupos. Agora, quase 40 anos depois de iniciarem suas carreiras, eles trabalharam juntos. O ex-Beatle George Harrison fez uma participação especial no novo disco do ex-Rolling Stones Bill Wyman.O álbum Double Bill deverá ser lançado na Inglaterra em abril e cumpre uma das marcas dos trabalhos solos de Wyman: reunir gente talentosa. Nos trabalhos de sua banda, Rhythm Kings, que já gravou três discos, contou com nomes como Peter Frampton, Gary Brooker e o ex-companheiro de Stones, Mick Taylor. Isso sem contar os integrantes do próprio Rhythm Kings, como o guitarrista Albert Lee e o cantor Chris Rea.O disco terá seis novas canções mais covers, como Love Letters, sucesso do músico americano Ketty Lester nos anos 60. O som da banda, sempre elogiado pela crítica, vai do blues ao jazz, com a levada rock característica do baixo de Wyman. Qual foi exatamente a contribuição de Harrison, Wyman não divulgou, mas rumores dão conta de que o ex-Beatle - que relançou seu primeiro álbum solo, All Things Must Pass - toca slide guitar em uma das faixas.A dupla inglesa ainda tem muitos pontos em comum. Um deles é o ressentimento em relação aos ex-companheiros. Harrison, em entrevista recente, fez questão de dizer quão duro era conviver com o ego de Lennon e McCartney. Wyman, que montou o Rhythm Kings em 95, dois anos após deixar os Stones, disse que queria voltar às raízes por estar cansado de fazer música comercial.Leia mais

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.