CD recém-lançado de Paris Hilton é considerado um fiasco

O recém-lançado CD da modelo Paris Hilton mal chegou às lojas e já está sendo visto como um tremendo fracasso, segundo publicou nesta terça-feira o jornal "New York Post" na coluna Page Six. "Paris" vendeu apenas 75 mil cópias nos Estados Unidos na semana de seu lançamento, "um fiasco" comparado ao CD "Back to Basics" de Christina Aguilera, que liderou a lista dos mais vendidos da semana com 320 mil cópias.O "New York Post" começa a coluna dizendo que a carreira de pop star de Paris parece estar indo por água abaixo assim como seus relacionamentos, acrescentando que a previsão é a de que nesta semana 30 mil discos da cantora sejam vendidos, uma queda maior do que o normal de uma semana para a outra. "A crítica internacional não está dando muita bola pra ela", disse uma fonte da indústria musical à coluna Page Six. "As pessoas não têm interesse em analisar o trabalho porque ela está lançando o álbum sem anunciar uma turnê, então está claro que ela não consegue cantar ao vivo", disse a fonte, revelando ainda que Paris foi alertada há um ano a treinar a voz, aprender a dançar e a tocar instrumentos para se preparar para uma turnê, mas "ela obviamente não escutou". O porta-voz da herdeira da rede se hotéis Hilton, Elliot Mintz afirmou que o lançamento do álbum já é uma grande iniciativa e algo "incrivelmente impressionante". "Eu consigo entender que as pessoas tenham preconceito", declarou Paris, pouco antes do lançamento do CD, "mas a música vai falar por si só".No fim de maio, Paris, em entrevista à revista de Hong Kong "Prestige", Paris disse que o CD reúne reggae, pop e hip-hop. "O álbum todo será composto por músicas diferentes. Eu gosto de todo tipo de música, não somente de pop e rock. Eu quero fazer algo para todos", disse ela, acrescentando que escreveu as letras de sete músicas do CD. O primeiro single é o reggae "Stars Are Blind". O videoclipe da música foi proibido na televisão indiana por seu "conteúdo altamente sexual".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.