Carta revela que Jagger tentava papel em 'Laranja Mecânica'

Outra versão do clássico filme de 1971 ainda teria os Beatles como responsáveis por trilha sonora

Da Redação,

06 de maio de 2008 | 15h51

Uma carta descoberta nesta semana revela que Mick Jagger tentava obter um papel no clássico filme Laranja Mecânica (1971), antes de Stanley Kubrick entrar no projeto e fazer o filme com Malcolm McDowell. O documento aponta que o vocalista dos Rolling Stones queria ser o personagem do gângster psicótico Alex, enquanto os Beatles estavam interessados na trilha sonora, segundo o jornal britânico The Guardian.   Veja também: Rolling Stones podem se separar, diz jornal britânico   Na carta, o produtor executivo Si Litvinoff disse a John Schlesinger - de Caubói da Meia Noite (1969) -, que estava considerando a proposta de dirigir o filme: "Após você ler o script e o romance, tenho certeza que verá o incrível potencial que todos nós vimos neste projeto", escreveu. "O filme deve romper sua linguagem, estilo cinematográfico e trilha sonora. Os Beatles amaram o projeto."   O Guardian alerta para o quão difícil é imaginar as alegres canções dos Beatles adaptadas para o livro de ultraviolência de Anthony Burgess - que depois se transformou no filme de Kubrick.   Esta adaptação nunca foi feita, após Schlesinger desistir do projeto, alegando que a "extrema violência não era o tipo de assunto que particularmente queria filmar". Mas imaginar Mick Jagger cometendo atos de horrível violência ao som de Here Comes The Sun, desperta a curiosidade, instiga o texto do Guardian.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.