Carta de gravadora que recusou Madonna vai a leilão

A loja nova-iorquina Gotta Have It aproveita a chegada de Madonna aos Estados Unidos para promover uma semana de leilões de peças e objetos relacionados à pop star. Um dos destaques do evento, organizado pela Sotheby´s (http://www.sothebys.com), será uma carta escrita pelo executivo de uma gravadora recusando o trabalho de Madonna. A carta diz que ela ainda não estava "pronta" para ser uma artista. Um sintetizador usado para gravar Into the Groove também está sendo negociado. A própria cantora avisou que vai leiloar uma série de objetos usados na Drowned World Tour, para arrecadar dinheiro para instituições de caridade. De acordo com o site inglês ananova.com, ela deve vender o kilt escocês que abre o show e as máscaras de gás criadas por Jean Paul Gaultier.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.