Dolly Faibyshev/The New York Times
Dolly Faibyshev/The New York Times

Cardi B diz que vai pedir cidadania nigeriana por causa de Donald Trump

Política nigeriana disse à rapper que "as portas do país estavam abertas"

Redação, O Estado de S. Paulo

08 de janeiro de 2020 | 19h15

Pelo Twitter, a cantora Cardi B disse que iria pedir a cidadania nigeriana por causa de Donald Trump. Ela disse que o ataque americano ao Iraque que causou a morte do general iraniano Qassim Suleimani foi "a ação mais idiota de Trump até hoje". "É triste que esse homem esteja colocando vida americanas em risco. Estou em busca da minha cidadania nigeriana”, disse a rapper no Twitter. Ela diz que seus antepassados vêm da África.

A política nigeriana Abike Dabiri-Erewa, que é Assistente Especial Sênior da Presidência em Assuntos Internacionais e Diáspora, respondeu Cardi dizendo que as portas do país estavam abertas. “Como responsável pela Diáspora pela Nigéria, digo que mal podemos esperar pelo seu retorno. Nossas portas estão abertas, irmã. E precisamos falar sobre um passeio pela Door of Return em Badagry. É uma experiência indescritível”. A Door of Returny é um monumento simbólico que homenageia os negros escravizados.

Cardi faz oposição a Trump em suas redes sociais e é entusiasta do democrata Bernie Sanders. Ela já fez campanha para que o político disputasse a presidência dos Estados Unidos.

Tudo o que sabemos sobre:
Cardi B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.