Cantora ucraniana vence Eurovision

A cantora Ruslana Lyzichko, da Ucrânia, venceu, no último sábado, o Concurso de Música Eurovision com a canção Wild Dancers, com uma apresentação colorida inspirada na música popular das montanhas. Ruslana bateu Zelijko Joksimovic e a Orquestra Ad Hoc da Sérvia e Montenegro, a primeira participação em 12 anos do país. O grupo apresentou Lane Moje (Meu amor), acompanhado por instrumentos populares tradicionais.A apresentação de Ruslana, inspirada na música popular e nas danças do povo da região das Montanhas do Cárpato também incluiu instrumentos tradicionais, dança misturada com movimentos acrobáticos, figurino extravagante de pele e couro, e um cenário com lança-chamas. "Eu acredito em meu país. Eu acredito em minha música", disse Ruslana. Uma das mais populares cantoras da Ucrânia, Ruslana compôs Wild Dances sozinha. Sua vitória dá a seu país o direito de sediar o Eurovision em 2005. O grego Sakis Rouvas, favorito na competição, ficou em terceiro, seguido por Athena, um grupo ska da Túrquia, sede do evento.As estimativas são de que mais de cem milhões de pessoas assistiram aos competidores de mais de 24 países pela televisão. Os vencedores foram escolhidos por votação de telefone. A segurança para o evento foi reforçada, devido aos ataques suicidas ocorridos em Istambul em novembro do ano passado e que mataram 62 pessoas.Criado em 1956 pela União Européia de Radiodifusão, sediada em Genebra, o Eurovision se tornou um dos mais populares eventos anuais de música e o maior concurso de música pop deste tipo no mundo. O grupo sueco Abba, que venceu há 30 anos com a canção Waterloo, é o mais famoso vencedor da competição a ter seguido carreira internacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.