Cantora de jazz foge da gravadora

A gravadora Universal Classics anunciou que não sabe o paradeiro da cantora americana de jazz Madeleine Peyroux. A cantora, considerada um dos destaques desse gênero musical neste ano, costuma ser comparada com a diva do jazz Billie Holiday por causa de seu estilo de cantar.A Universal Classics, que contratou um detetive para encontrar Madeleine, disse que ela "simplesmente desapareceu".Especula-se que Madeleine tenha se sentido acuada pela pressão publicitária após o lançamento do seu segundo disco, Careless Love, que deve ficar entre os dez mais ouvidos na parada britânica.Esta não é a primeira vez que ela desaparece. Após ter lançado o seu primeiro álbum, Dreamland, em 1996, ela passou sete anos tocando nas ruas de Paris.Uma porta-voz da gravadora Universal disse que "ela voltou aos Estados Unidos e está sendo impossível encontrá-la"."Os diretores da gravadora e da companhia que a representa vêm tentando contatá-la sem sucesso há quase uma semana."A Universal afirma que fez de tudo para "proteger Madeleine de ´queimá-la´ com muito trabalho promocional"."Mas parece que, apesar desses esforços, Peyroux não agüentou mais", afirmou a porta-voz. "Ela é uma raridade, uma artista mais interessada em sua música que no glamour do showbusiness."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.