Cantor Pete Doherty é multado pela polícia de Genebra

Tripulantes do voo do ex-namorado da top Kate Moss o flagraram consumindo heroína no banheiro

REUTERS/EFE

08 de junho de 2009 | 12h26

O cantor de rock britânico Pete Doherty foi multado pelas autoridades suíças após ter desembarcado em Genebra, informou a polícia da cidade nesta segunda-feira.   Tripulantes do voo em que o ex-namorado da modelo Kate Moss estava o flagraram consumindo heroína no banheiro da aeronave.

 

Segundo informações, aeromoças encontraram o cantor jogado no chão do banheiro da aeronave. Achando que ele passava mal, elas o ajudaram a voltar para seu assento. Mas, depois, a seringa usada pelo artista foi achada e o capitão do voodenunciou-o à polícia de Genebra.

Um porta-voz da polícia de Genebra recusou-se a confirmar a razão da multa, mas fontes disseram que foi por consumo de drogas. O incidente ocorreu na quinta-feira e Doherty foi solto após algumas horas de detenção, acrescentou o porta-voz.

A gravadora de Doherty não quis comentar o incidente.

O cantor de 30 anos do Babyshambles, ex-favorito dos tablóides por seu relacionamento com a modelo britânica e pela batalha contra as drogas, foi preso no ano passado por quebra de condicional.

Mas ele se manteve fora do noticiário desde então, exceto durante o lançamento de seu álbum solo Peter Doherty: Grace/Wastelands, em março.

(Reportagem de Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
MUSICAPETEDOHERTY*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.