Cantor George Michael é acusado de danificar automóveis

O cantor George Michael está sendo investigado pela polícia por supostamente ter danificado vários automóveis estacionados perto de sua mansão, no norte de Londres, segundo publicou o tablóide Daily Mirror.Segundo o jornal, que cita como fonte várias testemunhas oculares e a Polícia Metropolitana de Londres, as colisões ocorreram ontem de manhã não muito longe da luxuosa casa que o artista britânico possui no bairro de Highgate.Aparentemente, George Michael, de 42 anos, bateu com seu 4X4 em três carros e fugiu sem avisar aos proprietários dos veículos para que as companhias de seguros fossem acionadas."A primeira coisa que ouvi foi um grande choque", disse uma testemunha que alegou ter visto o cantor sentado ao volante do veículo. E "não tinha boa pinta", acrescentou.Uma porta-voz da Polícia Metropolitana disse ao diário que foi informada de "uma colisão com vários veículos" no norte da capital britânica e que a instituição está investigando os fatos, mas não confirmou a identidade do motorista do 4X4.George Michael, que fez sucesso nos anos 80 com o grupo Wham! e depois com seu primeiro disco solo, Faith (1988), foi detido em fevereiro por posse de droga. Na época, o cantor foi preso em seu carro em Londres, depois que um pedestre avisou à polícia que um homem estava caído sobre o volante, embora o músico tenha ressaltado que se encontrava bem para dirigir."É culpa minha", admitiu Michael em fevereiro. "Possuía drogas de classe C (classificação que inclui substâncias como a maconha), o que é um delito, e não tenho nenhuma queixa sobre a Polícia, que atuou com profissionalismo em todo momento".

Agencia Estado,

17 de abril de 2006 | 11h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.