Cantor Daniel recebe alta e deixa o hospital

O cantor Daniel, de 37 anos, recebeu alta e deixou o Hospital Israelita Albert Einstein, na zona sul da capital paulista, por volta das 16 horas desta terça-feira, 27, segundo informou a assessoria de imprensa do hospital.Daniel estava internado desde a madrugada de domingo, 25, quando sofreu um acidente no quilômetro 119 da Rodovia João Leme dos Santos, na região de Salto do Pirapora, no interior do Estado de São Paulo. O cantor passou por uma cirurgia de três horas no ombro esquerdo, na qual foram inseridos uma placa de titânio e 12 parafusos para corrigir uma fratura.O acidente ocorreu após um show de Daniel como parte das comemorações do aniversário de Salto de Pirapora, que atraíram mais de 30 mil pessoas à cidade, segundo a prefeitura. Ele estava no banco de trás de uma Pajero, acompanhado da namorada, Aline de Pádua, quando o carro colidiu com um Palio, provocando o acidente que o deixou ferido e causou a morte de duas pessoas, na madrugada de domingo, em Salto de Pirapora. O cantor estava a caminho de São Paulo para lançar seu novo CD, Amor Absoluto, no programa da Rede Globo Domingão do Faustão. João Paulo e DanielDaniel iniciou sua carreira artística no início dos anos 80 fazendo dupla com João Paulo, que morreu em um acidente, em 12 de setembro de 1997, na Rodovia dos Bandeirantes, na região de Franco da Rocha, Grande São Paulo. Após uma série da capotamentos o carro que o cantor dirigia, uma BMW, pegou fogo deixando seu corpo carbonizado. O segurança de João Paulo conseguiu escapar antes da explosão.Daniel nasceu em 9 de setembro de 1968, em Brotas, São Paulo. Lançou seu primeiro disco com João Paulo em 1985, Amor Sempre Amor. O quinto, João Paulo & Daniel, com os hits Só Dá Você na Minha Vida e Malícia de Mulher, foi o primeiro a obter vendas expressivas, ganhando disco de platina. Na década de 90, João Paulo e Daniel já integravam o time das duplas sertanejas de maior sucesso no País. A dupla lançou, ao todo, oito discos, e o último teve mais de um milhão de cópias vendidas.Depois da morte de João Paulo, em setembro de 1997, em um acidente de carro na Rodovia dos Bandeirantes, em São Paulo, Daniel lançou o CD Daniel. Depois disso vieram mais 12 discos: Vou Levando a Vida, Meu Reino Encantado , Quando o Coração se Apaixona, Daniel en Español, Ao Vivo, CD Duplo ao Vivo, Um Homem Apaixonado, Meu Reino Encantado II, Daniel - 20 anos de carreira, Em Qualquer Lugar do Mundo, Meu Reino Encantado III, Te Amo Cada Vez Mais . Na falta do companheiro, muitos discos de Daniel tiveram participações especiais. O terceiro após a morte de João Paulo, Meu Reino Encantado, contou com a presença de, entre outras duplas, Chitãozinho e Xororó.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.