Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Campanha com artistas brasileiros homenageia trabalhadores da produção de alimentos

Nomes como Gilberto Gil, Carlinhos Brown e Paulo Miklos participam de ação para exaltar trabalhadores da cadeia de alimentos

Paulo Beraldo, O Estado de S.Paulo

22 de maio de 2020 | 16h16

Artistas brasileiros e de outros países da América Latina e do Caribe participam de uma campanha para homenagear agricultores e trabalhadores do setor de alimentos que têm garantido a produção, o transporte, a comercialização e o abastecimento da região na pandemia do novo coronavírus. 

Entre os artistas estão nomes como Gilberto Gil, Carlinhos Brown, Paulo Miklos, Mart'nália e Tony Belloto. A campanha é promovida pelo Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), com apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS). 

Manuel Otero, diretor-geral do IICA, diz que a ação tem como objetivo prestigiar o trabalho daqueles que produzem alimentos. “Por isso, iniciamos esta campanha, contatamos artistas renomados dos mais diferentes países que, voluntariamente, decidiram aderir a esta proposta", afirmou o diretor do organismo com presença em 34 países. 

"Como organismo internacional de apoio e fomento aos países das Américas no desenvolvimento agrícola e bem-estar rural, estamos elaborando uma série de ações para tentar apoiá-los, assim como os trabalhadores do campo e de toda a cadeia de alimentos, incluindo produção, transporte e comércio”. 

 Gilberto Gil canta Soy Loco por Ti América: 

Gil, que foi ministro da Cultura no primeiro governo do ex-presidente Lula, gravou vídeo com música Soy Loco por Ti América, dele e de Capinan, um dos clássicos da Tropicália. Carlinhos Brown cantou Teia da Felicidade e Paulo Miklos escolheu É preciso saber viver, hit de Roberto e Erasmo Carlos que ele já gravara com os Titãs, banda da qual fez parte, em 1998. Outros cantores como os argentinos León Gieco, Teresa Parodi, Soledad Villamil e Victor Heredia também participaram.

De acordo com o último censo agropecuário, em 2017, há 15 milhões de pessoas vivendo em estabelecimentos rurais no Brasil. Os agricultores familiares são donos de quase 80% do total de 5 milhões de propriedades rurais do País, que é um dos principais produtores de alimentos como carne bovina, de frango, soja, milho, laranja e açúcar.  / Colaborou Renato Vieira 

Paulo Miklos canta É Preciso Saber Viver

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.