Caetano volta a SP com "Noites do Norte"

Caetano Veloso ainda aproveita o sucesso das músicas do seu disco Noites do Norte, lançado em 2000. Depois de ser elogiado pelo crítica estrangeira, fazer uma extensa turnê de divulgação, ter lançado um álbum ao vivo com o mesmo repertório e ainda ter gravado um DVD da turnê, o cantor e compositor baiano volta a São Paulo, e hoje e amanhã, às 22h30, no palco do Olympia.É fácil entender as razões de Caetano para não abandonar o projeto. Noites do Norte Ao Vivo é um belo espetáculo, em que o compositor presta homenagens a Tom Jobim, Jorge Ben Jor, Lulu Santos, e tira do esquecimento músicas suas que há muito não cantava, como Araçá Azul, do disco homônimo, do início dos anos 70.Temas que interessam ao compositor - como política, Bahia e literatura - são comentados em algumas das melhores partes do show, como a canção Noites do Norte (texto musicado de Joaquim Nabuco), 13 de Maio (com seu inusitado jogo de compassos, cortesia do filho Moreno) e a lírica releitura de Zumbi, de Jorge Ben Jor.No roteiro dirigido pelo violoncelista Jaques Morelembaum - parceiro musical de Caetano há mais de uma década - também está garantida uma sessão das canções conhecidas, como Menino do Rio, Leãozinho e outras que ficaram mais famosas em vozes alheias, como Nosso Estranho Amor e Tigresa.Há ainda espaço para as músicas que Caetano admira, como Caminhos Cruzados, de Tom Jobim e Aloysio de Oliveira, e Samba de Verão, composição da época da bossa nova feita pelos irmãos Marcos e Paulo Sérgio Valle.Caetano também renova o zelo por seu patrimônio poético, com letras que vão do puro jogo de linguagem (Cantiga do Boi), à expressão de uma saudade (Meu Rio, com um lamento em forma de cavaquinho tocado por Dudu Nobre), passando por uma dura queixa de amor, no estilo de velhos sambas (Tempestades Solares).E o compositor baiano continua recebendo elogios unânimes da imprensa mundial com o show, por suas reconstruções sonoras, pela unidade teórica dada pelos textos de Joaquim Nabuco e por suas ousadas posturas cênicas. Por isso, a turnê ainda deve passear pelos Estados Unidos, México, além de outros países da América Latina. Mas quem pretende ouvir algum material inédito de Caetano ainda vai ter de esperar mais um pouco.Noites do Norte ao Vivo. Hoje e amanhã, às 22h30, no Olympia (R. Clélia, 1517, tel. 3866-3000). De R$ 30 a R$ 85.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.