Caetano volta a disputar o Grammy de world music

Caetano Veloso entrou mais uma vez na disputa pelo Grammy de world music, prêmio que conquistou em 2000, por Livro. Desta vez, ele foi indicado por Live In Bahia, lançado nos Estados Unidos pelo selo Nonesuch Records. É a edição americana de seu Noites do Norte Ao Vivo. Vai concorrer com Youssou N´Dour, por Nothing´s In Vain, Bill Frisell, por The Intercontinentals, Orchestra Baobab, por Specialist In All Styles, e, outro nome conhecido da organização, Cesaria Evora, por Voz D´Amor.Caetano vai disputar a curiosa categoria "world music contemporânea". Mas há ainda a world music tradicional, que também tem um representante brasileiro no páreo. É o Grupo de Capoeira de Angola Pelourinho, com Capoeira Angola 2 - Brincando Na Roda, que saiu no mercado americano pelo selo Smithsonian Folkways Recordings. Disputam o mesmo troféu os Masters Of Persian Music, Monks Of Sherab Ling Monastery, Ghazal, Kasse Mady Diabate, Ecos De Borinquen. O novo disco de Yo-Yo Ma, Obrigado Brazil, também está no páreo do Grammy, disputando três troféus da música clássica.Na categoria melhor álbum de jazz feminino, aparece outro nome brasileiro: a paulista Luciana Souza, radicada em Nova York, que também já disputou o prêmio. No ano passado, ela concorreu - e perdeu - com o disco Brazilian Duos, na mesma categoria. Agora, volta com North And South, que saiu no Brasil como Norte e Sul. Vai disputar o prêmio com Dianne Reeves, por A Little Moonlight, Aaron Neville, por Nature Boy - The Standards Album, Shirley Horn, por May The Music Never End, e Kurt Elling, por Man In The Air.Hip Hop - Nas categorias principais do Grammy, o destaque ficou por conta da presença dominante de artistas do rap e rhythm & blues, representados por nomes como 50 Cents, Missy Elliott, OutKast e Eminem, entre outros. Beyoncé, Jay-Z, Outkast e Pharrell Williams receberam o maior número de indicações, um total de seis. Missy Elliott, Eminem, Evanescence, 50 Cent, Chad Hugo, Ricky Skaggs, Justin Timberlake, Luther Vandross e Warren Zevon, que morreu este ano, concorrem a cinco prêmios cada.

Agencia Estado,

04 de dezembro de 2003 | 17h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.