"Brundibár", a ópera que resistiu ao nazismo

Estréia nesta terça-feira no Teatro São Pedro uma montagem da ópera Brundibár, peça infantil da década de 30 que tem sua história misturada ao nazismo. A regência está a cargo do maestro Paulo Franco, e Amauri Falsetti assina a direção-geral, à frente de mais de 60 crianças de escolas públicas e particulares.Foi em 1938 que o compositor checo Hans Krása escreveu Brundibár, que poderia ser traduzido como "O Homem do Realejo". A ópera narra a história de duas crianças, Zezinho e Aninha, que viviam com a mãe doente. Para que sua saúde melhorasse, a mãe precisava tomar leite. No entanto, por falta de dinheiro, as crianças se veêm impossibilitadas de ajudar na cura.A saída encontrada foi ir até a praça central da cidade e cantar em troca de ajuda. É nesta praça que trabalha Brundibár que as expulsa várias vezes do local, fazendo com que elas voltassem desoladas para casa.Ao perceber o drama das crianças e sua mãe, outros meninos e meninas, ajudados pelos bichos, resolvem intervir e vencem Brundibár. Assim, Zezinho e Aninha conseguem o dinheiro e compram o leite de que tanto sua mãe precisava.Krása guardou a ópera durante três anos até que, em 1941 com a invasão nazista na Checoslováquia, ele foi levado para o gueto de Terezín.Em meio ao drama da vida em um campo de concentração, Krása encontrou espaço para reunir algumas das 1.500 crianças presas e montar pela primeira vez sua ópera.O libreto e a partitura da ópera chegaram aos dias de hoje graças ao cuidado das 300 crianças que sobreviveram ao extermínio no campo de Terezín. Foi, aliás, uma delas, Eva Klinger, atualmente vivendo em São Paulo, que traduziu o texto de Brundibár para o português, possibilitando a montagem, patrocinada pela Paidéia Associação Cultural, entidade sem fins lucrativos que tem como intenção promover a cultura, principalmente entre os jovens.Paralelamente à encenação da ópera, a Paidéia está promovendo uma exposição de desenhos de crianças que estiveram no campo de concentração de Terezín.Quarteto de Cordas Auf Dem Weg - Terça e quarta às 21 horas; às 21h40, lançamento da ópera infantil Brundibár, de Hans Krása. R$ 10,00. Teatro São Pedro. Rua Barra Funda, 171, tel. 3667-0499.

Agencia Estado,

09 de outubro de 2000 | 15h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.